quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Estações do Metrô serão palco para encontros de cultura popular


A banda Mestre Zé do Pife e as Juvelinas nasceu em Brasília, a patir das andanças de Francisco Gonçalo da Silva, Seu Zé do Pife, pelas ruas e ônibus da cidade. Mais de seis anos depois, o grupo retoma às origens e apresenta o projeto Pife nos Trilhos. Durante outubro e novembro, o ressoar do pife e da cultura nordestina irá ao encontro do público em estações do Metrô no Plano Piloto, Taguatinga, Ceilândia e Guará.  


O projeto levará para as estações convidados especiais, que formarão com o público rodas de música, canto, brincadeiras populares, danças e declamações: Sivuquinha de Brasília, Dona Gracinha da Sanfona, a poetisa e cantora Lília Diniz e o poeta e repentista Sabiá Duqueza. Em cada estação, um típico cortejo das tradições populares para anunciar o início das apresentaçõs, que têm entrada franca e livre.  

Diálogo Nordestino 
O grupo Mestre Zé do Pife e as Juvelinas nasceu nas ruas e ali foi construindo sua história. Nas andanças de Seu Zé, nas passadas de chapéu, nos cortejos em feiras, praças e bares, as Juvelinas aprenderam a tradição das bandas de pife e recriaram danças e brincadeiras populares. Com o projeto Pife nos Trilhos, o grupo e seus convidados pretendem levar ao público genuínas expressões culturais de raiz nordestina, com o objetivo de quebrar a monotonia e possibilitar o resgate de identidades, já que o DF possui grande percentual de população nascida ou descendente da região Nordeste do Brasil.   


Mestre Zé do Pife e as Juvelinas
Natural de São José do Egito (PE), Mestre Zé do Pife é tocador e fabricante de pife há 50 anos. É também compositor de versos e aboios de vaqueiros. Quando jovem, trabalhou como lavrador e na construção civil. Radicado em Brasília há mais de 20 anos, formou em 2007 a banda de pífanos Mestre Zé do Pife e as Juvelinas. Em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), Seu Zé ministra desde 2007 oficinas de pífano semestrais. Foi lá que começaram os encontros com as aprendizes e musicistas Juvelinas: Valéria Lehmann (pífano, rabeca e voz), Kika Brandão (pífano e voz), Maísa Amorim (pífano e voz), Naira Carneiro (pífano, sanfona e voz), Luciana Bergamaschi (triângulo e voz), Andressa Ferreira (caixa, violão e voz), Isa Flor (zabumba e voz) e Gutcha Ramil (pratos, violino e voz). Uma união excêntrica que articula tradição e contemporaneidade e acaba por fazer uma grande mistura de influências. Na estrada, já são dois CDs lançados: “Zé do Pife: de avô para neto” (2008) e “De Brasília a São José do Egito” (2010).  


Para saber mais e acompanhar o diário de bordo da circulação de Mestre Zé do Pife e as Juvelinas, é só acessar:zedopifejuvelinas.com.br e facebook.com/zedopife.

PROGRAMAÇÃO
Sempre às 17h, com entrada franca e livre. 


- 29.10.14: Estação Central (Rodoviária do Plano Piloto) - Dona Gracinha da Sanfona
- 03.11.14: Praça do Relógio (Taguatinga) - Sabiá Duqueza
- 05.11.14: Ceilândia Centro - Lília Diniz
- 11.11.14: Feira do Guará – Sivuquinha de Brasília

ITEIA / Imagem reprodução


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...