terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Deputado anuncia abertura de processo contra futuro vice-governador


O deputado Chico Vigilante (PT) anunciou, durante a sessão ordinária de hoje (9), que o juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública determinou a abertura de processo contra o futuro vice-governador do Distrito Federal, Renato Santana. Ele é acusado de improbidade administrativa pelo Ministério Público do DF e Territórios, que ajuizou ação contra o vice de Rodrigo Rollemberg em agosto deste ano. A denúncia trata de desvio de recursos públicos destinados à pavimentação asfáltica de Ceilândia, quando Santana era administrador da cidade, em 2010.

Celina Leão (PDT) saiu em defesa do vice-governador eleito, dizendo que a acusação é fruto de "mais um dos dossiês montados por quem está na máquina administrativa para atacar adversários políticos". "É ridículo falar de um desvio de R$ 150 mil, quando há denúncia de superfaturamento de R$ 450 milhões nas obras do Estádio Nacional Mané Garrincha", declarou a deputada, referindo-se a relatório do Tribunal de Contas do DF divulgado pela imprensa em março deste ano.
De acordo com a parlamentar, a obra de pavimentação asfáltica de Ceilândia foi feita e entregue à população. Celina destacou que Renato Santana tem mais de 20 anos de carreira pública e mora na cidade que administrou. "Quase todo gestor tem uma ação penal para levantar possíveis irregularidades, é comum", acrescentou a deputada, emendando: "O atual governador do DF é objeto de várias ações criminais tramitando na Justiça".
CLDF
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...