sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Chico Vigilante nega rombo no DF


O deputado distrital Chico Vigilante (PT) volta a contestar a afirmação do Governo do Distrito Federal sobre o rombo nos cofres públicos. Ele desafia o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) para um debate, chamar toda a imprensa para mostrarem o saldo das contas do GDF.
Através de sua conta pessoal no Facebook, Vigilante postou um vídeo onde mostra, um documento que de acordo com o parlamentar, seria o extrato do Sistema Integrado de Gestão (SIGGO), com valores bem diferentes dos divulgados pelo GDF. De acordo com Vigilante, nesta quinta-feira (8) o governo tem R$ 1,4 bilhão.

Vigilante acredita que se trata de uma estratégia do governador, “o Rollemberg tenta mostrar uma situação de caos que não existe, para depois dizer que foi capaz de arrumar as contas”. E fala que “não adianta o secretário do governo ficar nervoso, dizendo que não tem dinheiro, porque tem”. Afirma.
Há dois dias o secretário da Fazenda, Leonardo Colombini, afirmou que o saldo nas contas públicas é de apenas R$ 64 mil. E que existe um déficit de R$ 3,5 bilhões, que o tempo para normalizar a situação financeira deve ser de um ano, com a possibilidade de aumento na arrecadação de impostos.
Hoje quando foi questionada sobre as afirmações do deputado, a Secretária de Fazenda se limitou a responder que “houve uma leitura equivocada das informações do SIGGO, que não refletem necessariamente o saldo do caixa do Governo”.
Enquanto isso o cenário do Distrito Federal é esse: os servidores do GDF e também os terceirizados continuam sem receber salários e 13º. O início do ano letivo foi adiado na rede pública, pois reformas precisam ser concluídas. Cooperativas de micro-ônibus estão em greve, falta  remédios e leitos na rede pública de saúde e houve até o corte de verbas para a realização do carnaval. Tudo por falta de dinheiro.
Diário do Poder
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...