quarta-feira, 25 de março de 2015

Cobrador de coletivo e universitário são presos por tráfico de drogas


Equipe da 19ª Delegacia em Ceilândia, realizou a prisão em flagrante de dois homens acusados de tráfico de drogas. Um dos autuados, que é cobrador de ônibus, foi abordado e preso no interior do próprio coletivo em que trabalhava, local onde também negociava drogas. Três usuários foram conduzidos à delegacia. As ações ocorreram nessa terça-feira (24), durante a Operação Expresso da Droga.
De acordo com o delegado-chefe da 19ª DP, Fernando Fernandes, a denúncia informava que o cobrador estaria traficando maconha e LSD dentro do próprio veículo e por meio do aplicativo whatsapp, realizava as negociações e, inclusive, informava aos usuários a linha em que ele estava para facilitar a entrega dos entorpecentes.
Durante as diligências, o cobrador M.J.M.S., 26 anos, conhecido como “Açúcar”, foi preso no interior do ônibus. Ele estava de posse de 25 microsselos de LSD e duas porções de maconha. O coletivo foi interceptado pelos policiais quando deixava a Praça do Bicalho, em Taguatinga, com destino ao Condomínio Sol Nascente – Ceilândia.
Já o comparsa dele, W.S.P, 24 anos, estudante de arquitetura, foi também detido em flagrante na mesma data, em residência. 
De acordo com o apurado, o estudante universitário, que já tinha passagem por furto e roubo, era quem fornecia a droga para o cobrador realizar o tráfico.

“O estudante universitário comprava os microsselos pela internet e repassava aos conhecidos. Com ele foram apreendidos dois ingressos para uma festa eletrônica, onde a droga seria vendida por um preço de R$ 150,” conta o delegado.
Na residência de W.S.P. também foram apreendidos 125 selos de LSD; porções de maconha; três frascos de anabolizantes; R$ 3 mil, em espécie; e um simulacro de arma de fogo.
Cumpridas as formalidades legais, os autores foram recolhidos à carceragem do DPE.
Divisão de Comunicação/DGPC
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...