quinta-feira, 23 de abril de 2015

Secretaria de Saúde convoca 205 profissionais para Taguatinga, Gama e Ceilândia



A Secretaria de Saúde publicou no Diário Oficial do Distrito Federal desta quarta-feira (22) a nomeação de 30 pediatras, 44 enfermeiros e 131 técnicos de enfermagem. A contratação dos 205 profissionais vai reforçar o atendimento à população nas áreas de emergência dos hospitais de Taguatinga, Gama e Ceilândia.
"Nós queremos esses profissionais atuando na rede o mais rápido possível, para que a população seja melhor assistida. O prazo para que os nomeados tomem posse é de 30 dias, a partir da nomeação, além de mais 5 dias para entrarem em exercício. Vamos tentar reduzir esse tempo pela metade", destacou o secretário de Saúde, João Batista de Sousa.
Para acelerar a distribuição dos profissionais nas unidades, uma força tarefa será executada para realizar os exames admissionais com maior celeridade no Hospital de Base, bem como na Diretoria de Saúde do Trabalhador, na 712/912 Sul.

Segundo subsecretário de Gestão de Pessoal, Luiz Eduardo Fontenelle, as informações com os nomes, data, horário e local dos exames serão divulgadas nesta quinta-feira (23) e disponibilizadas no site da pasta, além de serem enviadas por telegrama aos nomeados.
Fontenelle enfatiza que os profissionais que não comparecem para tomar posse serão substituídos por outros aprovados até que a lista de convocados esteja completa. "Temos nas nossas listas de aprovados mais 103 médicos, 10 mil enfermeiros e seis mil técnicos, o que é suficiente para preencher os cargos de quem não tiver interesse em ser admitido", contabilizou o subsecretário, ao lembrar que a maior dificuldade de admissão é de médicos, que tem menor interesse de atuar na rede.
CARGA HORÁRIA - A secretaria vai propor aos novos profissionais que têm regime de trabalho de 20 horas semanais que ampliem a carga para 40 horas semanais.
Com o reforço na contratação e ampliação da carga horária em outras unidades da rede pública, a Saúde espera reduzir, por exemplo, a procura por atendimentos de pediatria no Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib).
Além da admissão dos pediatras, o secretário João Batista de Sousa informou que a orientação do governador Rodrigo Rollemberg é dar prioridade total à reabertura de novos leitos de UTI. Segundo ele, o assunto já está sendo analisado pela área econômica do governo e a expectativa é que nos próximos dias sejam abertos 10 leitos em Samambaia e 20 no Gama.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...