quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Quarteto Capivara realiza últimas apresentações em Taguatinga com entrada franca


Formado há cinco anos, o Quarteto Capivara é resultado do encontro de talentosos jovens da cidade apaixonados pela música instrumental brasileira. Neste pouco tempo já tiveram a oportunidade de tocar em lugares de destaque da cidade.

Para promover e difundir a música instrumental e levar ao grande público seu trabalho, o Quarteto Capivara realiza uma turnê por quatro regiões administrativas do Distrito Federal que encerra nesta sexta-feira com duas apresentações emTaguatinga. O grupo já se apresentou na Vila Telebrasília, Gama e Ceilândia. Os últimos shows da turnê incluem uma grande roda de choro com a participação de dois grupos locais: Aroeira e Brincadeira Boa.  

No repertório, além de composições próprias, o grupo apresenta clássicos instrumentais brasileiros, de autores como Jacob do Bandolim, Dominguinhos, Sivuca e Hermeto Paschoal.

A ideia desse projeto de circulação – que conta com o apoio do Fundo de Apoio à Cultura – FAC, da Secretaria de Cultura do Distrito Federal –, é, também, contribuir para a valorização da música produzida no DF e formar novas plateias para a música instrumental. Cada região será contemplada com um show gratuito em um local de acesso livre e uma apresentação especial voltada para estudantes da rede pública.

Durante as apresentações, o público vai poder apreciar as composições do Quarteto Capivara e também clássicos da música instrumental brasileira, de compositores relevantes para a formação musical nacional. Dessa forma, o grupo pretende estreitar a relação do público com artistas do DF, em especial o trabalho autoral.

O Quarteto Capivara é composto por músicos que passaram por formações musicais nas melhores escolas especializadas de Brasília, incluindo a Escola Brasileira de Choro Raphael Rabello, projeto da famosa casa de shows de Brasília. O grupo propõe um passeio pelos mais variados estilos musicais brasileiros como choro, samba, bossa nova e música regional, com influência de jazz e blues.

Rafael Alabarce (gaita), Eduardo Bento (percussão), Laércio Pimentel (violão) e Felipe Nunes (bandolin) pesquisam e interpretam músicas instrumentais de rara beleza, incluindo clássicos da MPB e compositores de gerações passadas. O repertório dos shows mescla composições autorais e de artistas consagrados, como Hermeto Paschoal, Jacob do Bandolim, Dominguinhos, Sivuca e outros.

Rafael Alabarce - integrante do Quarteto Capivara desde 2006, é formado pela Escola de Música de Brasília EMB e pela Escola de Choro Rafael Rabelo, onde leciona Gaita Cromática. É também luthier de gaitas cromáticas e diatônicas.

Participou várias vezes do curso "Internacional de verão da Escola de Música de Brasília" junto a artistas como Maurício Einhorn – Gaita romântica, Ian Guest - Harmonia, Ademir Junior - Improvisação, Pablo Fagundes – Gaita Cromática, entre outros.

Fez a abertura de shows dos artistas renomados como Armandinho, Rolando Boldrin e Sérgio Reis, e participou também de uma apresentação do cantor e guitarrista norte americano Greg Wilson, vocalista da Banda Blues Etílicos.

Felipe Nunes - começou seus passos musicais com o bandolim, aos sete anos, quando seu pai, músico por hobby e autodidata, lhe ensinou os primeiros acordes.
Aos 11 anos entrou na Escola Brasileira de Choro Raphael Rabello, onde permaneceu até os 15 anos como aluno e dos 15 aos 18 como professor monitor de bandolim.

Foi aluno de grandes nomes da música brasileira como Hamilton de Holanda, Dudu Maia, Jorge Cardoso e Marcelo Lima. Tem a música como profissão desde os 15 anos e tocou em grupos como Quem não Chora não Mama, Choro Malandro, Fugindo à Regra, 4+3=7cordas, dentre outros. Já abriu shows dos artistas Hamilton de Holanda, Hermeto Paschoal, Armandinho Macedo e Carlos Poyares.

Seu repertório é composto de Choro, Samba, MPB e Jazz. Ele é licenciado em música pela Universidade de Brasília - UnB.

Eduardo Bento - é o percussionista do quarteto e se apresenta no circuito musical de Brasília desde 2005. Formou-se na Escola de Música de Brasília (EMB), em 2009.

Estuda percussão no Clube do Choro de Brasília e é músico profissional nos instrumentos violão, canto e percussão, no gênero popular. Atualmente é integrante dos grupos Ciclone na Muringa (rock e funk), Roda na Banguela (forró pé-de-serra e cultura popular) e o Quarteto Capivara.

Laércio Pimentel - é graduado pela Universidade de Brasília em Licenciatura em Música em 2003. Leciona atualmente as disciplinas violão de sete cordas, teoria musical, percepção musical e violão seis cordas na Escola de Choro Raphael Rabello. Produz músicas para vídeos institucionais, além de trilhas sonoras para cinema, teatro e propaganda publicitária.

Participou dos grupos de música instrumental Choro de Calango, Maya Desnuda, Mistura e Manda e Banda de Pífanos Ventoinha de Canudo.  Acompanhou o gaitista Gabriel Grossi, Carrapa do Cavaquinho, Nivaldo do Acordeom, Caçai Nunes, Eduardo Maia, Roberto Curto, Zabé da Loca, Marines, Dió de Araújo, Sivuquinha, com os trios Jerimum, Siridó, Trinca Pé, e Araçá, com o grupo Samba Choro, Feijão Bandido. Entrou este ano para o Quarteto Capivara.

SERVIÇO:

Quarteto Capivara – Projeto de Circulação pelo Distrito Federal.

Dia 13 de novembro, sessões às 21h e 22h – Mercado Sul – St. B Sul Área Especial QSB 12 - Taguatinga

ENTRADA FRANCA
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...