sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Mesmo com leitos vazios, UPA de Ceilândia não recebe pacientes na emergência



Um servidor do SAMU denunciou ao Diário, que a UPA de Ceilândia não recebe mais paciente na emergência. O servidor gravou imagens que mostram mais de 20 leitos das salas amarela e vermelha vagos. O socorrista afirmou que o problema é recorrente, e mesmo quando tem médicos, enfermeiros e técnicos no plantão, os profissionais se recusam a receber os pacientes.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...