domingo, 27 de março de 2016

Ceilândia receberá Circuito de Feiras do Livro do DF na segunda (28)

O Circuito de Feiras do Livro do Distrito Federal de 2016 chega a Ceilândia na segunda-feira (28). A estrutura, montada no terreno da Biblioteca Pública Carlos Drummond de Andrade (QNN 13), ficará no local até quarta-feira (30). Depois, até 27 de abril, receberão a iniciativa outras oito regiões administrativas: Brazlândia, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Paranoá, Planaltina, Taguatinga e Varjão (veja arte abaixo com o roteiro). 


A programação abrangerá encontros de alunos das redes pública e particular de ensino com escritores, debates literários e apresentações com grupos artísticos. As atividades, promovidas pela Secretaria de Cultura, são gratuitas e abertas a toda a comunidade e muitas ocorrerão simultaneamente. Foram selecionados mais de 70 artistas, por meio de chamamento público lançado em novembro de 2015 e concluído em janeiro.
O circuito funcionará das 9 às 21 horas. Dividida em quatro tendas, a estrutura abrigará café literário, com palco para apresentações culturais; auditório com capacidade para 120 pessoas; e área para exposições, com dez mesas. Além disso, a feira contará com salas da biblioteca pública para oficinas e auditório do centro cultural, ao lado, para parte da programação. São esperados cerca de 4,5 mil estudantes.
"Esperamos que o próximo passo, depois de rodar as regiões administrativas, seja a recuperação da Biblioteca Nacional de Brasília", adianta o secretário de Cultura, Guilherme Reis. "Qualquer ação que o governo faça envolvendo o livro e a leitura é muito importante para a cidade, a população toda ganha."
Taguatinga

Na quinta-feira (31), Taguatinga receberá o circuito. A estrutura, ao lado da Biblioteca Pública Machado de Assis (CNB 1), começou a ser montada nessa sexta-feira (25). A logística da programação será a mesma, com café literário e apresentações diversas para o público em geral e alunos das redes pública e particular.

Aquisição de livros

A Secretaria de Cultura começou a planejar os encontros do circuito de 2016 em abril do ano passado. Como parte da preparação, foram comprados cerca de mil livros de autores de várias partes do País, inclusive de Brasília. Além disso, investiram-se aproximadamente R$ 29 mil, provenientes de convênio firmado em 2014 entre a Secretaria de Cultura e o Ministério da Cultura.

Os livros, adquiridos no início do ano por meio de licitação, foram entregues às 14 regionais de ensino do DF, que repassam os exemplares às escolas. No circuito, os estudantes terão oportunidade de conhecer parte dos autores dessas obras.
Verba

O acordo firmado entre a secretaria e o ministério abrange dez eventos. Um deles foi realizado em 2014, no Cruzeiro. O convênio venceria no início do ano passado, mas a pasta local apresentou novo plano de trabalho à federal, que analisou o documento e autorizou a continuidade do projeto. Do total da verba pública investida em todo o circuito (R$ 1,27 milhão), R$ 1 milhão vem do governo federal. O restante é contrapartida da secretaria, com orçamento próprio.

As atividades integram o Plano do Livro e da Leitura do DF e o Plano Nacional do Livro, Leitura e Literatura, do Ministério da Cultura.

Serviço:

Feira do livro do DF
De 28 a 30 de março
Das 9 às 21 horas
Biblioca pública de Ceilândia
*Informações Agência Brasília
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...