sábado, 27 de agosto de 2016

Saúde faz mutirão de cirurgias ortopédicas em Ceilândia e mais cinco hospitais


[Agência Brasília] A Secretaria de Saúde realiza, até o mês de dezembro, um mutirão de cirurgias ortopédicas. A ação, que se iniciou neste mês de agosto, beneficiará 480 pacientes, já regulados, que possuam problemas no ombro ou joelho e precisem fazer a reconstrução dos ligamentos.

"Trata-se de um esforço concentrado de várias unidades da Secretaria para diminuir a demanda existente, porque, antes da força-tarefa, eram realizadas cerca de duas cirurgias, por mês, em cada unidade. Com o mutirão, só este mês, realizamos 33 cirurgias e temos a expectativa de chegar a 51. " Afirma o cirurgião e coordenador da Ortopedia da Secretaria de Saúde, Fabiano Dutra.

Para cada procedimento agendado é preparado um Kit com os insumos necessários. Estão participando desta ação, 20 médicos cirurgiões, dos Hospitais Regionais do Paranoá (HRP), de Sobradinho (HRS), do Gama (HRG), de Taguatinga (HRT) de Ceilândia (HRC) e do Hospital de Base.

"Cada unidade tem uma fila já pré-existente, mas para os atendimentos existe uma prioridade de idade e de gravidade, além disso, temos, também, as demandas que são judiciais", explica Fabiano.

A iniciativa é resultado do trabalho de uma comissão que inclui representantes do gabinete da Secretaria, diretores e chefes de serviços dos hospitais, da Coordenação de Ortopedia entre outros. Foi este grupo que elaborou por exemplo, o projeto que prevê a carga horária, e as horas extras, da equipe médica que participa do mutirão.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...