Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Mesmo com decisão judicial, idoso aguarda cirurgia no Hospital Regional de Ceilândia


[Metrópoles] Nem mesmo uma decisão judicial está sendo capaz de fazer com que o idoso João Pereira Trindade, 83 anos, seja atendido no Hospital Regional de Ceilândia (HRC). O paciente está internado no local desde o dia 30 de dezembro à espera de uma cirurgia no fêmur.
Os familiares entraram na Justiça e conseguiram uma liminar para que a operação fosse realizada com urgência, mas os responsáveis pelo centro médico alegam falta de materiais, segundo os parentes. “Eles dizem que não têm próteses para cirurgias e que há pelo menos outras 80 pessoas na fila de espera”, reclama o filho, Aldo Borges Pereira, 37.
Ainda segundo o filho do paciente, a situação pode se agravar, caso a cirurgia não seja feita. “Meu pai está todos esses dias em uma cama na sala de medicação, pois não há outro lugar para ficar. Mas como ele tem diabetes e doença de Chagas, se ficar muito tempo na maca, pode ter uma embolia”, afirma.
Em nota, a Secretaria de Saúde informou que fez a compra emergencial de 86 kits de próteses de quadril (colo do fêmur). “A aquisição possibilitará a realização de cirurgias nos 30 pacientes que aguardam pelo procedimento em toda rede. Os procedimentos começaram a ser feitos esta semana e seguem até o fim de janeiro nos Hospitais de Base, Gama, Taguatinga, Santa Maria, Asa Norte e Ceilândia”, informou a pasta, por meio de nota.
Além da compra emergencial, a Secretaria de Saúde afirma que há um processo regular de compra para abastecimento da rede. “Está em andamento a licitação para adquirir materiais de cirurgias de trauma, como placas e parafusos, com previsão de entrega em aproximadamente 60 dias”, acrescentou, em nota.
*Informações João Gabriel Amador do Metrópoles