Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 4 de abril de 2017

Professores recusam a proposta do governo e mantêm greve no DF


[Metrópoles] Os professores da rede pública do Distrito Federal decidiram em assembleia, nesta terça-feira (4/4), manter a greve iniciada no dia 15 de março. Mesmo reconhecendo que houve uma abertura nas negociações com o Palácio do Buriti, a categoria entende que as propostas feitas pelo GDF não são suficientes, ainda, para encerar a paralisação.
De acordo com Cláudio Antunes, diretor do Sindicato dos Professores (Sinpro), é necessário fortalecer o movimento para assegurar avanços na mesa de negociação. “O governo chegou a ensaiar um acordo, mas ainda não entendemos como uma proposta efetiva. Deixamos claro que, se eles querem que a greve acabe, eles precisam concluir a negociação”, argumentou.
Os professores cobram reajuste salarial de 18%, melhores condições de trabalho, reposição do tíquete-alimentação e, principalmente, o pagamento da última parcela do aumento aprovado em 2013. O GDF, no entanto, já descartou a possibilidade de reajustar os vencimentos e quitar a dívida do aumento concedido pela gestão anterior.
*Informações do Portal Metrópoles