Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Polícia deflagra Operação Herege 2 e prende autores de roubo a coletivos em Ceilândia



Nessa terça-feira (23), a Polícia Civil do DF realizou a prisão de uma mulher e de dois homens acusados de integrar uma associação criminosa voltada para a prática de roubos a ônibus coletivos na região de Ceilândia. As prisões ocorreram durante a Operação Herege 2, deflagrada pela equipe da 24ª delegacia em Ceilândia. O grupo confessou a prática de pelo menos seis assaltos, os quais eram cometidos na companhia de um adolescente infrator. 
De acordo com as investigações, os criminosos embarcavam na cidade de Taguatinga, armados com pistola e facas, com destino a Águas Lindas. Em determinado ponto do trajeto, já na região de Ceilândia, anunciavam o roubo e subtraíam celulares, dinheiro e objetos de valor. Após a posse dos bens, desciam na parada de ônibus seguinte. 
Assim como aconteceu na Operação Herege 1, um dos presos possui uma cruz tatuada na face, por isso manteve-se o mesmo nome da operação. Segundo a 24ª DP, no período de abril, em decorrência das duas operações, obteve-se uma redução de 30% do número de roubos a coletivos na área da delegacia. 
Na mesma data, os policiais também apreenderam um adolescente acusado de ato infracional análogo ao crime de tentativa de latrocínio, ocorrido no dia 16 de maio. De acordo com o apurado, o infrator, de posse de uma faca, adentrou no coletivo e anunciou o roubo ao motorista, cobrador e passageiros. Após subtrair a quantia de R$ 409, o adolescente tentou fugir, momento em que foi agarrado pelo motorista e cobrador. Durante a luta corporal, o adolescente esfaqueou as vítimas e empreendeu fuga logo em seguida. 
Os autores foram recolhidos à carceragem da PCDF e o adolescente foi encaminhado à DCA II para as providências legais.
Memória
Operação Herege 1
A Operação Herege 1 foi deflagrada no início deste mês e resultou na prisão preventiva do autor de uma tentativa de latrocínio, ocorrida no dia 5 de março deste ano, em um ônibus, que fazia o trajeto Taguatinga – Águas Lindas. 
Após subtrair dinheiro, celulares e documentos pessoais, o autor efetuou um disparo de arma de fogo, que atingiu uma das vítimas na cabeça. O criminoso também foi reconhecido como autor de outros roubos em coletivos, ocorridos em Taguatinga e Ceilândia. 
O autor do crime, que possui uma cruz tatuada na face, foi preso em Águas Lindas/GO.
*Informações Polícia Civil do DF