Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Polícia prende suspeito de matar desafeto em Ceilândia



[JBr] Um homem de 38 anos foi preso, na noite dessa quinta-feira (25), após matar um desafeto na QNO 16, em Ceilândia. O crime ocorreu no dia 30 de março, mas, na ocasião, o suspeito alegou aos policiais ter agido em legítima defesa e foi liberado.
Em depoimento, Joelington Camilo Pereira disse que um assaltante teria entrado em sua residência e, para se defender, alegou ter atacado o homem com uma faca. Tempos depois, a Polícia Civil descobriu que o suposto criminoso tratava-se de Gleidson Lucas de Araújo, de 34 anos, um antigo parceiro de crime de Joelington.
“Nesse momento, afastou-se a possibilidade de prender o homicida em flagrante, porque ele havia afirmado, em depoimento, que agiu em legítima defesa. No entanto, a apuração do caso prosseguiu e desvendamos a circunstância do crime”, relatou o delegado responsável pelo caso, Ricardo Viana.
De acordo com uma testemunha, no fatídico dia, a vítima teria ido até a casa de Joelington para cobrar uma dívida de, aproximadamente, R$ 1.500. “A principal hipótese é de que o suspeito não tinha o dinheiro para pagar ao comparsa e decidiu executá-lo. No total, ele desferiu oito facada em Gleidson, sendo quatro no crânio, uma no braço e três no tórax”, detalhou o delegado.
O suspeito irá responder por homicídio duplamente qualificado e, se condenado, poderá pegar pena de 12 a 30 anos. O autor e a vítima já tinham passagens pela polícia.
Keven Garcia do Jornal de Brasília