Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Alunos do IESB criam projeto para revitalizar áreas de Ceilândia



Graduandos dos cursos de Engenharia Civil e Arquitetura do Centro Universitário IESB foram convidados a desenvolver projetos de urbanização Parceria Pública Privada com o objetivo de melhorar as condições urbanas e dos equipamentos comuns à comunidade na cidade de Ceilândia. São doze áreas que contemplam construção e revitalização de praças, construção de campos de futebol society, coberturas de quadras poliesportivas, além de reformas em prédios públicos, que beneficiarão a população. As propostas incluem as reformas da Junta Militar, da Biblioteca e do prédio da Administração Regional da cidade, a cobertura da Quadra do 10º Batalhão da PM (no Setor Industrial QESP áreas 7, 8 e 9) e revitalizações de praças e quadras localizadas nas EQNN 22/24, QNN 20S, QNQ 03N, EQNM 07/09, QNQ 01, QNP 15N, EQNM 06/08, EQNM 07/09, QNR 03N, QNO 17 (expansão Setor "O"), EQNN 23/25 N e da QNP 15.

Cerca de 100 alunos, divididos em 18 grupos, participam do projeto. Todos realizaram visitas técnicas nas áreas contempladas, ouviram as reivindicações da comunidade e receberam orientação técnica de funcionários da administração. Para a cobertura da Quadra Esportiva do 10º Batalhão da Polícia Militar, por exemplo, estão previstas estruturas metálicas, banheiros com vestiário, arquibancada e revitalização da quadra, além de facilitar a acessibilidade e bem estar dos que dela fazem uso. “É fundamental para comunidade, que usufrui livremente do espaço para a prática de várias modalidades esportivas oferecidas pelos projetos sociais da PM”, explica Izabella Teixeira, uma das responsáveis pelo projeto ao lado dos colegas Walter Sidney, Rafael Rodney e Laís Alves.

Já no prédio da Junta Militar os estudantes notaram a necessidades de reparo externo, principalmente das calçadas - inexistentes ou em péssimas condições - nos arredores do muro deteriorado e com estruturas expostas. Além disso, da área de acompanhamento da cerimônia de juramento da bandeira sem cobertura, com cercas destruídas, sem condições de segurança; o pátio desnivelado favorecendo o empoçamento de água, são completamente desfavoráveis aos visitantes. “Nossas sugestões objetivam soluções que, ao serem executadas, proporcionarão o bem-estar dos funcionários e da população que frequenta o local”, afirmou Aline Souza Alves, integrante dos idealizadores da proposta ao lado de João Paulo Sabino, Thalysson Sanches e Victor Phellipe.

Entre as diversas quadras a serem revitalizadas, os estudantes Nyckson Emerich, Ana Ribeiro, Luís Henrique e Maíra Araújo escolheram a da EQNN 22/24, na Ceilândia Sul. Além da organização de alocação de equipamentos de lazer, arquitetura da arborização e ocupação vegetal, os futuros engenheiros se preocuparam também com o tipo de pavimento a ser utilizado, a implantação de calçadas e com a definição da área de circulação de veículos e pedestres.  “Estamos prevendo a instalação de um Ponto de Encontro Comunitário, de equipamentos de ginástica, de um parque infantil, além do plantio de árvores nativas e do melhoramento da iluminação. Sem esquecer a importância de zelar pela acessibilidade. Tudo isso, possibilitará que a população possa desfrutar de um espaço que, hoje, está praticamente abandonado”, ressaltou Nyckson Emerich.