Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 26 de agosto de 2017

Polícia prende em Ceilândia falsa médica que prometia tratamentos milagrosos



Uma mulher de 35 anos foi presa, pela nona vez, na manhã desta quinta-feira (24) por "exercício ilegal da medicina" em Ceilândia. Segundo o delegado Fernando Fernandes, da 19ª DP, ela usava registro médico falso e atuava na própria casa e na de pacientes. Também dizia ser "medica, biomédica, radioterapeuta e esteticista".

A polícia diz que ela já coleciona passagens dessa natureza. A primeira vez foi em 2011, enquanto a última foi em 2015. Mesmo com a lei prevendo até dois anos de prisão para cada crime, ela sempre assinou um termo circunstanciado e foi liberada, respondendo ao inquérito em liberdade. Não foi diferente nesta quinta.

De acordo com o delegado, ela chegou a prometer a "cura do câncer de cabeça" e tratamento para engravidar, chegou a cobrar até R$ 10 mil pelo serviço e emitindo até atestado médico. A mulher foi denunciada por um paciente que fazia um tratamento contra câncer. O G1 não teve acesso à defesa dela.

Entre os tratamentos estéticos ela fazia microagulhamento, uso de ácido e tratamento pra emagrecimento.


Ela foi autuada em flagrante pelo crime de exercício ilegal da medicina e, como se trata de crime de menor potencial ofensivo, a mulher assinou termo de compromisso de comparecimento e foi liberada. A falsa médica ficou em silêncio durante o interrogatório.

*Fonte G1 / Metrópoles