Parlamentar repercute estado de calamidade na Saúde do DF


O deputado Chico Vigilante repercutiu, na tarde desta terça-feira (19) a gravidade da área de saúde do Distrito Federal. No último fim de semana, vários órgãos de comunicação de Brasília veicularam notícias do caos estabelecido na saúde. “Um quadro terrível, é o terror estabelecido na Saúde. O cidadão chega no hospital e não tem exatamente nada para atender a população. Nem papel higiênico”, comentou o parlamentar. O deputado distrital cobrou que a Secretaria de Saúde, após cinco meses de governo e sob Estado de Emergência estabelecido em decreto, vem a público para informar uma medida de investigação de atestados médicos. 

“Ora, se estão dando atestados é porque estão doentes. Porque eu não acredito que um médico vai emitir atestado sem necessidade. Não acredito que haja um conluio de médico para dar atestados falsos. Isso é para jogar a opinião pública contra os atendentes, os médicos, os enfermeiros. E não podemos aceitar tal atitude em hipótese nenhuma. Tudo isso sob o argumento de que não tem dinheiro”, defendeu. 
O deputado Chico Vigilante informou que, de acordo com o SIGGO, o Governo do Distrito Federal dispunha nesta terça-feira de 1 bilhão seiscentos e trinta e seis milhões de reais em caixa. Para ele, o que está faltando é competência e seriedade. “Esse é um governo de terror. Como diria o presidente Lula: Nunca antes na história do Distrito Federal se viu tanto desânimo, tanto desespero e tanta falta de vergonha na cara das pessoas do governo”, concluiu.
Por Augusto Henriques
Parlamentar repercute estado de calamidade na Saúde do DF Parlamentar repercute estado de calamidade na Saúde do DF Reviewed by Diário de Ceilândia on terça-feira, maio 19, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário

Slider

[recent]

Anuncios!

Diário de Ceilândia © Copyright 2018 - Todos os direitos reservados - diariodeceilandia@gmail.com