MPDFT requisita informações sobre ocupação do antigo Clube Primavera


A Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística (Prourb) oficiou, nesta quarta-feira, dia 23, três órgãos do Distrito Federal para que apresentem informações sobre a transferência de integrantes do Movimento Resistência Popular (MRP) que ocupavam o hotel Saint Peter para o antigo Clube Primavera, em Taguatinga. O Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Distrito Federal (Ibram), a Terracap e a Novacap têm prazo de dez dias úteis para responder os questionamentos apresentados pela Prourb.

No ofício enviado ao Ibram, a Promotoria requisita informações sobre a realização de estudos prévios que concluam pela possibilidade ocupação da área pelos integrantes do movimento. A Terracap e a Novacap também deverão esclarecer se a ocupação e a limpeza da área foram precedidas da necessária autorização do Ibram.
Área de proteção – Em 2013, a Prourb instaurou procedimento administrativo a respeito do antigo Clube Primavera. Após relatório elaborado pelo Ibram, certificando que a área é de proteção permanente e que o clube integra a Área de Relevante Interesse Ecológico JK e parte do Parque Ecológico Saburo Onoyama, a Promotoria de Defesa do Meio Ambiente e do Patrimônio Cultural (Prodema) passou a acompanhar a recuperação da área. Segundo o relatório, “a melhor indicação de uso seria a retirada das construções que ocupam solos hidromórficos, revegetando-os com vegetação adequada, objetivando a proteção dos recursos hídricos presentes no local”.
MPDFT requisita informações sobre ocupação do antigo Clube Primavera MPDFT requisita informações sobre ocupação do antigo Clube Primavera Reviewed by Diário de Ceilândia on sexta-feira, setembro 25, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário

Slider

[recent]

Anuncios!

Diário de Ceilândia © Copyright 2010-2018. Tecnologia do Blogger.