Após aumento indigesto, preço nos restaurantes comunitários do DF será reduzido

As refeições nos restaurantes comunitários do Distrito Federal ficarão mais baratas a partir de segunda-feira (23). O prato, que custa R$ 3, valerá R$ 2 e R$ 1. O anúncio foi feito pelo chefe do Executivo em visita ao Sol Nascente, em Ceilândia, na manhã deste sábado (21).
Para ter direito à tarifa de R$ 1, é necessário apresentar, no guichê do restaurante, documento de identificação com foto e constar do Cadastro Único do governo de Brasília, por meio de sistema da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos.

O valor de R$ 2 será aplicado já no primeiro dia de mudança, mas o desconto para quem for do Cadastro Único será progressivo. Começa no Sol Nascente na segunda-feira (23) e, em 30 dias, será estendido às outras localidades.
Nova unidade

O Sol Nascente, aliás, será a sede do 14º restaurante comunitário do DF. Situada na QNR 1, a unidade será inaugurada na segunda-feira (23), com capacidade para servir 3 mil refeições por dia. O espaço tem 60 mesas, com oito cadeiras em cada.


*Com informações da Agência Brasília
Após aumento indigesto, preço nos restaurantes comunitários do DF será reduzido Após aumento indigesto, preço nos restaurantes comunitários do DF será reduzido Reviewed by Diário de Ceilândia on sábado, maio 21, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro, a honra e o pundonor serão MODERADOS.

Slider

[recent]

Anuncios!

Diário de Ceilândia © Copyright 2010-2018. Tecnologia do Blogger.