Eliana Pedrosa apresenta propostas aos policiais civis


Em uma reunião promovida pelo Sinpol-DF na tarde desta terça, 7, os policiais civis do Distrito Federal tiveram a oportunidade de ouvir as ideias e propostas da pré-candidata ao Governo do DF (GDF) Eliana Pedrosa (Pros).

O encontro foi aberto também aos representantes sindicais, que, mais uma vez, tiveram a oportunidade de apresentar os anseios da base e discutir os principais pleitos com a política e seu candidato a vice, Alírio Neto (PTB).
Ao iniciar a reunião, o presidente do sindicato, Rodrigo Franco “Gaúcho”, explicou que esses eventos têm sido realizados a fim de municiar a categoria do máximo possível de informações acerca das candidaturas e seus projetos.
“Nós queremos promover o debate para que, juntos, os policiais civis decidam qual será a melhor opção para a nossa família”, ressaltou.
No dia 16, logo depois do prazo final para o registro de candidaturas, o Sinpol-DF convocará uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE) para definir, junto com a categoria, qual será o posicionamento do sindicato nas eleições deste ano.
PARIDADE
Assim como ocorreu nos encontros já promovidos com outros pré-candidatos, foi exposta uma extensa lista de reivindicações que não foram atendidas ao longo dos mais de três anos de governo Rollemberg (PSB), mas são esperadas da próxima gestão.
Colocada como pleito principal, a paridade da Polícia Civil do DF (PCDF) com a Polícia Federal (PF), segundo Gaúcho, é urgente. “Diferentemente das demais carreiras, tanto do GDF quanto da União, nós estamos há dez anos sem qualquer reestruturação dos vencimentos e, por isso, as perdas inflacionárias já atingem 50%”, lembrou o presidente.
Ele destacou, ainda, uma série de outro pontos, como a oferta de serviços de saúde e educação, como disponíveis para as demais forças de Segurança Pública do DF; a atualização das atribuições; a implantação do Concurso de Remoção e o pagamento de direitos de hora-extra, adicional noturno, serviço voluntário remunerado e auxílio-uniforme.
COMPROMISSO
Ao discursar para os policiais civis, Eliana Pedrosa afirmou, de forma categórica, que o envio da mensagem ocorrerá “no primeiro dia útil de governo”. Para garantir que isso seja possível, a candidata propõe a criação de uma comissão composta também pelas entidades sindicais que, ainda durante a transição, trabalhará construindo um projeto.
“Nós pretendemos chegar ao governo com a mensagem já pronta para ser enviada”, anunciou.
“O compromisso de resgatar a paridade”, esclareceu Pedrosa, “é algo que eu expresso há bastante tempo; não é uma promessa nova com fins eleitoreiros”. Para asseverar o posicionamento, a política apresentou declarações que fez à imprensa nos últimos meses – antes mesmo de ter o nome confirmado como candidata da coligação.
“Eu comprometi porque tenho a convicção que a paridade é um direito e direito não se tira”, declarou.
O mesmo discurso foi colocado pelo pré-candidato a vice-governador Alírio Neto. “Quando nós iniciamos a negociação, o primeiro item que coloquei para a Eliana foi a paridade. Felizmente, ela já tinha esse pensamento, mas eu fiz questão de colocar como condição para formamos a chapa, até porque eu também recebo pela Polícia Civil”, alegou Alírio.
Antes do ingresso na vida política, ele foi agente de polícia e delegado da PCDF.
Ambos destacaram também o interesse de que a paridade passe a ocorrer de forma automática – sem a necessidade de novos envios de mensagens. Sobre os demais temas, o vice da coligação anunciou que tem o projeto de transformar a antiga Academia de Polícia Civil (APC) em uma escola para os dependentes dos policiais civis. Também afirmou ser a favor da redefinição das atribuições, da carreira com entrada única e da unificação das polícias.
Pedrosa, por sua vez, acrescentou a possibilidade de trazer de volta à ativa os policiais civis aposentados nos últimos cinco anos, como forma minimizar os problemas gerados pela falta de efetivo – até que novos concursos sejam realizados e os servidores nomeados.


CANDIDATOS
Além de Eliana Pedrosa e Alírio Neto, diversos candidatos a cargos eletivos nas próximas eleições participaram da reunião. Em breve, o sindicato oportunizará que os postulantes a deputados distritais e federais também apresentem suas ideias à categoria.
“Toda essa equipe tem muita vontade de trabalhar”, afirmou a candidata a respeito do grupo formado. “Nós queremos que a capital do país seja um farol, iluminando a melhores práticas para todo o Brasil. Nosso desejo é fazer com que todas as categorias profissionais se sintam parte desse governo e se sintam valorizadas. É uma missão muito alta, mas eu tenho certeza que caminhando juntos, nós teremos sucesso nessa empreitada”, finalizou. 

Comunicação Sinpol-DF 
Eliana Pedrosa apresenta propostas aos policiais civis Eliana Pedrosa apresenta propostas aos policiais civis Reviewed by Douglas Protázio on segunda-feira, agosto 13, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Slider

[recent]

Anuncios!

Diário de Ceilândia - O Portal de Notícias de Ceilândia © Copyright 2018 - Todos os direitos reservados