GDFNet chega às escolas de Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

GDFNet chega às escolas de Ceilândia

As escolas públicas de Ceilândia
passaram a integrar a Rede Corporativa Metropolitana do Governo do Distrito
Federal – GDFNet. A rede é um projeto de expansão tecnológica do governo que
oferece serviços e internet de alta velocidade para os órgãos governamentais. A
oferta da rede para as 88 escolas urbanas de Ceilândia foi possível graças à
parceria realizada entre a Secretaria de Fazenda, Planejamento, Orçamento e
Gestão (SEFP) e a Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF).

Ceilândia foi escolhida como projeto-piloto. A ideia é que
até 2022 a rede GDFNet esteja acessível para todas as escolas públicas do
Distrito Federal. Atualmente, os serviços disponibilizados pela Subsecretaria
de Tecnologia da Informação e Comunicação da SEFP (Sutic/SEFP) já atendem todas
as administrações regionais e secretarias de Estado.

A internet de alta velocidade vai habilitar a implantação de
várias ferramentas digitais em desenvolvimento para uso, tanto das escolas,
como para a gestão da rede. Algumas já estão prontas para o lançamento, como a
plataforma EducaDF Digital e a Intranet. A primeira vai permitir que
professores utilizem recursos digitais em suas aulas e a segunda vai concentrar
num só portal todos os assuntos do interesse dos servidores da Casa. O EducaDF
e a Intranet são projetos da Secretaria de Educação.

De acordo com a subsecretária da Sutic/SEFP, Márcia Sabino
Duarte, a iniciativa integra o projeto de expansão tecnológica dos serviços
governamentais. “Estamos trabalhando para aumentar e melhorar cada vez mais os
serviços prestados ao cidadão. Temos certeza que a tecnologia é uma grande
aliada nessa tarefa”, afirma.

Benefícios



O subsecretário da Sutic/SEFP, Cristyan Martina Rocha, destaca que a entrada
das escolas públicas na rede GDFNet traz uma série de benefícios ao governo.
“Com isso, aumentamos a segurança da rede corporativa e deixamos as escolas
mais equipadas para o oferecimento de um ensino púbico de qualidade”, explica.
Além disso, ele conta que a política de segurança da informação do governo
impede o acesso a conteúdo impróprio para os alunos. “Os pais podem ficar
tranquilos em relação a isso”, enfatiza.

O coordenador de segurança de rede da Sutic/SEFP, Glayson
Lins, explica que foram construídos 90 quilômetros da rede GDFNet para atender
às 88 escolas da Ceilândia, onde além da alta velocidade, todos os serviços e
acessos são feitos de forma segura dentro da rede privada do governo. Segundo
ele, essa integração das escolas e dos demais órgãos do governo permite a
padronização e otimização das atividades realizadas.

Sutic

A Subsecretaria de Tecnologia
da Informação e Comunicação é o setor responsável pela tecnologia de informação
do Governo do Distrito Federal, como o Datacenter Corporativo do Distrito
Federal, sistemas corporativos de TI e a Rede Metropolitana de Dados, conhecida
como GDFNet.

Programa da
Secretaria de Educação

A expansão da Rede GDFNet para
as escolas de Ceilândia está inserida dentro da Bandeira [email protected], que é a
macropolítica de inovação da Rede Distrital de Educação, desenvolvida pela
Secretaria de Estado de Educação.

* Agência Brasília Com informações da Secretaria de Fazenda

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: