Texto teatral de Jean-Paul Sartre discute questões de gênero em Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


O texto de nome ‘Huis Clos’, de autoria do filosófo Jean – Paul Sartre, traduzido para a língua portuguesa sob o título ‘Entre Quatro Paredes’, ganha adaptação dirigida por Graça Veloso em circulação pelo Distrito Federal.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});


O espetáculo terá sessões no Teatro Sesc Newton Rossi (Ceilândia), nos dias 8 e 9 de outubro, às 20h, e no Teatro Sesc Paulo Gracindo (Gama), dia 17 de outubro, às 16h e 20h. Todas as sessões têm terão entrada franca.

A adaptação nasceu do desejo de criar um espetáculo que permite, de maneira simbólica, refletir sobre a contemporaneidade e as relações político-sociais do cotidiano. Sexualidade, ego, poder, questões de gênero e desejos são trazidos à tona pela peça. 

Segundo o diretor, a adaptação parte de uma estética de interpretação realista, porém, aproveitando-se expressivamente das imagens suscitadas pelo texto. A obra original apresenta estrutura linguística atual, com temáticas que atravessam décadas.

O Diretor


Graça Veloso (Jorge das Graças Veloso) é ator, diretor teatral, dramaturgo, pós-doutor em Arte e Cultura Visual pela Universidade Federal de Goiás. Ele atua em temas como etnocenologia e pedagogia do teatro.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: