Websérie entrevista jovens que transformam as periferias do DF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Websérie entrevista jovens que transformam as periferias do DF

Em duas temporadas, o programa Minha Quebrada rodou nove cidades do Distrito Federal e entrevistou, dentro de um Opala 79, 16 jovens dessas regiões. Foram 16 episódios no total, quatro da primeira temporada e dois especiais.
Para a segunda temporada da web-série, Max Maciel lançou um financiamento coletivo e conseguiu arrecadar mais de três mil reais de 44 benfeitores. Com a quantia, foi possível gravar dez episódios.
Após o grande sucesso das duas temporadas, Max Maciel vai colocar o Opala 79 novamente na rua para conhecer histórias e experiências de jovens que transformam a realidade nas periferias do DF.
Para o programa continuar sendo esse sucesso é preciso da ajuda daqueles que também acreditam na potência das quebradas. Com o objetivo de arrecadar o dobro do financiamento coletivo da segunda temporada, o programa Minha Quebrada quer arrecadar mais de nove mil reais para colocar a terceira temporada na rua. 
O financiamento coletivo tem duração de 50 dias. O dinheiro só vai ser arrecado se a campanha atingir a meta. Ou seja, é tudo ou nada. Quem colabora, além de contribuir para o registro das quebradas do DF, também vai ganhar recompensas. Como adesivos, bonés e camisas, todos exclusivos do Minha Quebrada e desenvolvido pelo designer João Paulo Maciel. 

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A quantia arrecada também vai ajudar na realização da identidade visual da terceira temporada do programa, custear a gravação de 10 episódios da série e cobrir os custos de produção, edição e comunicação. Além de remunerar uma equipe de 4 pessoas, pagar um entrevistado nacional e confeccionar as recompensas.
Saiba como ajudar nos sites:

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: