Polícia Civil e MPDFT deflagram nova fase de operação contra grilagem no Sol Nascente

Polícia Civil e MPDFT deflagram nova fase de operação contra grilagem no Sol Nascente

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios e a Coordenação Especial de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e aos Crimes contra a Administração Pública (CECOR) da Polícia Civil do DF deflagraram, nesta terça-feira, 3 de setembro, a 2ª fase da Operação Horus.

São cumpridos 11 mandados de prisão preventiva e 12 mandados de busca e apreensão nesta manhã. Os alvos da operação fazem parte do núcleo de grileiros de terra de uma organização criminosa instalada na região do Sol Nascente, para atuar no parcelamento irregular de terras públicas.

Outro núcleo dessa organização criminosa é composto por policiais militares, que foram presos na 1ª fase da Operação Horus. Para o Ministério Público, a função desses policiais seria atuar na defesa dos interesses dos grileiros, com o apoio ao planejamento das atividades criminosas. Os policiais seriam responsáveis, por exemplo, por expulsar posseiros dos terrenos irregulares que interessariam ao grupo. 

O Ministério Público já havia denunciado os policiais militares por organização criminosa armada. Eles atualmente respondem ao processo na Auditoria Militar. Com relação aos grileiros de terra, a 2ª Vara Criminal de Ceilândia recebeu, em agosto deste ano, a denúncia apresentada pelo Ministério Público contra eles também por organização criminosa armada.

Com informações do MPDFT

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: