Empresa contratada pelo Na Hora de Ceilândia emprega filha de comissionado, diz Metrópoles

Empresa contratada pelo Na Hora de Ceilândia emprega filha de comissionado, diz Metrópoles

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Dois executores de contratos celebrados entre o Governo do Distrito Federal (GDF) e a empresa ATP Tecnologia e Produtos S.A. emplacaram as próprias filhas no quadro funcional da companhia contratada. Vencedora do pregão eletrônico para prestar serviços de operação, manutenção, recepção, triagem e apoio à gestão das unidades do Na Hora, a ATP admitiu, no primeiro semestre, Cristiane Farias Borges e Nathália Emily de Souza Pinheiro.

Segundo o Metrópoles, elas são filhas de Nilson José Borges e Renato Pinheiro Gomes, respectivamente. Os pais ocupam cargos comissionados dentro da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) e atuam como gestores do Na Hora.

Nilson José Borges é chefe da Unidade de Gestão Operacional do órgão e um dos responsáveis pelo contrato que ultrapassa o valor de R$ 10 milhões por ano. Pelo cargo, ele recebe o salário bruto mensal de R$ 6.506,35. A filha dele, Cristiane, trabalha como atendente no posto de serviços ao cidadão do Riacho Fundo. Matéria completa do Metrópoles aqui.

Já no outro caso semelhante, o gerente da unidade do Na Hora em Ceilândia, Renato Pinheiro Gomes, é também executor do contrato local do GDF com a mesma empresa. A função reserva a ele um rendimento bruto de quase R$ 3 mil. Filha dele, Nathália também conseguiu emprego na ATP, conforme base de dados do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Matéria completa do Metrópoles aqui.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: