Fernando Fernandes deixa comando da Administração Regional de Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Fernando Fernandes retorna hoje às atividade legislativas depois de pedir seu afastamento no comando da Administração Regional de Ceilândia. É entendido que, para votar a LOA no fim do ano, todo parlamentar ausente da Casa volta para destinar suas emendas. Por isso, todos sabiam que o administrador retornaria à CLDF, mas o regresso antecipado pegou até parlamentares aliados de surpresa.

Nos bastidores, se comenta que Fernandes deixa a administração da Ceilândia por considerar que recebeu promessas que não se cumpriram. A coordenação da saúde e da diretoria regional de ensino estariam dentre os combinados não concretizados.

Novo administrador

O advogado Marcelo Martins da Cunha, mais conhecido como Marcelo Piauí, será o novo administrador de Ceilândia. A informação foi confirmada ao site Metrópoles nesta terça-feira (12/11/2019) por integrantes do Palácio do Buriti. Atualmente, ele ocupa o cargo de secretário-adjunto da Casa Civil do Distrito Federal. A nomeação está prevista para sair nas próximas edições do Diário Oficial (DODF). A informação foi confirmada pelo chefe do Executivo local.

Cunha permanecerá no cargo até que o titular do Palácio do Buriti escolha o nome definitivo para comandar a cidade mais populosa do Distrito Federal. O deputado distrital Fernando Fernandes (Pros) pediu exoneração do cargo e retornará à Câmara Legislativa (CLDF). O parlamentar deu entrada no pedido junto à presidência da Casa nesta terça-feira (12/11/2019). Com a chegada dele, a suplente Telma Rufino (Pros) deixa o cargo. Ela o substituiu por 11 meses, desde o início do mandato.

Com informações do Jornal de Brasília e Metrópoles

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: