Universidades brasileiras estão no topo do ranking das melhores da América Latina

Universidades brasileiras estão no topo do ranking das melhores da América Latina

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Ranking divulgado pela consultoria britânica Quacquarelli Symonds (QS) classificou as universidades brasileiras USP e Unicamp na segunda e na quinta colocação, respectivamente, entre as melhores da América Latina – 2020. Com isso, o Brasil é o único país com duas universidades na lista das cinco melhores. A liderança ficou com a Pontifícia Universidade Católica do Chile, pelo terceiro ano consecutivo.

Ao todo, foram avaliadas 400 universidades. A chilena e as brasileiras são as únicas que também se mantiveram no topo nas edições anteriores. Entretanto, nesta edição, a Universidade de São Paulo manteve a posição obtida no ranking de 2019. A Unicamp, por sua vez, perdeu posições – em 2018 era a vice-líder e, em 2019, a terceira colocada.

O Brasil também é o país com mais representantes tanto no “top 10”, quanto no “top 20”. No ranking, 94 universidades são brasileiras (confira a lista abaixo). No site da consultoria é possível ver o estudo completo.

Critério de avaliação

Para fazer a avaliação das instituições, a consultoria britânica usa oito critérios diferentes, sendo que os dois principais são a “reputação acadêmica” e a “reputação de empregabilidade”. Além desses, os critérios são: razão professores/alunos, número de professores com doutorado, rede de pesquisa internacional, citação de artigos, número de artigos por professor e impacto na web.

As universidades brasileiras no top 100

  • 2º) Universidade de São Paulo (USP)
  • 5º) Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  • 9º) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  • 11º) Universidade Estadual Paulista (Unesp)
  • 15º) Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
  • 17º) Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • 19º) Universidade Federal do Rio Grande Do Sul (UFRGS)
  • 22º) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • 29º) Universidade de Brasília (UnB)
  • 30º) Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
  • 32º) Universidade Federal do Paraná (UFPR)
  • 35º) Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
  • 45º) Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • 51º) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
  • 51º) Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj)
  • 54º) Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • 55º) Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
  • 60º) Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • 77º) Universidade Federal de Viçosa (UFV)
  • 78º) Universidade Federal da Bahia (Ufba)
  • 79º) Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • 81º) Universidade Federal do Rio Grande Do Norte (UFRN)
  • 86º) Universidade Estadual de Londrina (UEL)
  • 87º) Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • 92º) Universidade Estadual de Maringá (UEM)
  • 93º) Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
  • 97º) Universidade Federal de Goiás (UFG)

Fonte: Bárbara Maria – Agência Educa Mais Brasil

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: