Opinião: Retorno de condenado à Câmara Legislativa é comemorado por distritais

Foto: Reprodução web

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Câmara Legislativa do Distrital Federal já foi palco das mais bizarras e vergonhosas comemorações

Por Douglas Protázio

O Deputado Distrital José Gomes (PSB) retornou ao cargo nesta sexta-feira (30), após liminar do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli, que determinou a suspensão da decisão que cassou o mandato do distrital. O deputado deixou a cadeira na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) neste mês, após ser condenado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por abuso de poder econômico. Em seu lugar, assumiu a Deputada Luzia de Paula (PSB), que esquentou a cadeira de Gomes por apenas duas semanas.

O empresário foi condenado por coagir funcionários da empresa que possui, a Real JG Serviços Gerais, a votarem nele nas eleições de 2018. A denúncia apresentada à Justiça, que levou à cassação do deputado, inclui duas gravações que foram feitas durante reuniões da companhia.

A posse do parlamentar foi comemorada por alguns deputados distritais – o que não causou nenhum estranhamento. A  comemoração mais esfuziante foi a do Deputado Distrital Fernando Fernandes (Pros), que se elegeu com um discurso de combate à corrupção e a criminalidade. O bom filho a casa volta, celebrou emocionado o parlamentar com um post em uma rede social. O delegado licenciado ganhou notoriedade ao postar fotos em suas redes sociais com usuários de drogas detidos com pontas de baseados de maconha, quando era administrador de Ceilândia.

A Câmara Legislativa do Distrital Federal já foi palco das mais bizarras e vergonhosas comemorações, uma delas, protagonizada pela então Deputada Distrital Luzia de Paula em 2016, que dançou em uma sessão no plenário durante manifestação de um grupo que batucava em apoio a ela. Na época, Luzia era investigada por ter destinado R$ 1,1 milhão em emendas para shows em Ceilândia.

A dança da Deputada Distrital Luzia de Paula

Até quando os deputados distritais vão envergonhar e constranger os contribuintes que pagam religiosamente seus salários?

LEIA TAMBÉM -   Mais um terreno que servia como lixão é desativado em Ceilândia

*Douglas Protázio é estudante de jornalismo e criador do Diário de Ceilândia.

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: