...
 

DF recebe mais um lote com 62.250 novas doses de vacina contra a covid-19

Chegada dos imunizantes no aeroporto de Brasília foi prestigiada pelo governador em exercício, secretário de saúde e ministros do governo federal


Mais um lote da vacina AstraZeneca desembarcou no Distrito Federal na noite desta quinta-feira (15). Os imunizantes que previnem contra a covid-19, em um total de 62.250 doses, foram recebidos no aeroporto de Brasília pelo governador em exercício, Rafael Prudente, pelo secretário de Saúde, Osnei Okumoto, e ministros do governo federal Marcelo Queiroga, da Saúde, e Flávia Arruda, da Secretaria de Governo da Presidência da República. A chegada das vacinas permitirá ao governo local reduzir a faixa etária da vacinação, contemplando pessoas com 40 anos.


A partir das 15h desta sexta-feira (16) será aberto o agendamento para as faixas etárias de 40 a 49 anos possam marcar data, horário e local para serem vacinadas. Serão destinadas 46,5 mil doses para esse grupo. Até o momento, a cobertura vacinal do público de 40 a 44 anos é de 22,9% e 44,7% para quem tem entre 45 e 49 anos. Esses fizeram agendamento para se vacinar por idades ou por comorbidades – categoria que também poderá marcar atendimento com 500 vagas disponíveis.


O governador em exercício, Rafael Prudente, destacou a redução da faixa etária da vacinação com a chegada de mais imunizantes. “Quero agradecer ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro Marcelo Queiroga. O Distrito Federal também agradece muito ao trabalho exercido pela ministra Flávia Arruda.


Parabenizo o empenho dos servidores da Secretaria de Saúde, que têm se dedicado muito durante todo esse período. É uma alegria para nós recebermos essas mais de 62 mil doses, que vão garantir a vacinação de todas aquelas pessoas aqui na nossa capital”, observa Prudente, que enfatiza a importância do processo de vacinação contra a covid-19. “Seguimos em frente, trabalhando para vacinar toda a população da capital da república”.


Segundo o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, o Distrito Federal vem apresentando queda nas internações em leitos de UTI e com suporte ventilatório, um reflexo da vacinação contra a covid-19 na capital. “A média móvel de óbitos por covid reduziu muito no DF, como no país todo. Estou satisfeito em dizer que o SUS resolve o problema da população”, afirma Okumoto.


Repescagem

A Secretaria de Saúde fará uma “repescagem” nos dias 24 e 25 de julho para vacinar quem tem entre 50 e 59 anos. Serão reservadas 8 mil doses para que esse público se vacine, sem necessidade de agendamento, em qualquer um dos 53 pontos de vacinação.


O DF já vacinou 1.103.249 pessoas com a primeira dose, 381.193 com a segunda dose e 40.491 com a dose única.

*Com informações da Secretaria de Saúde do DF

130 visualizações0 comentário