...
 

Homem é encontrado morto em hotel de Ceilândia após suposto assédio a funcionárias, diz G1

Um homem de 32 anos foi encontrado morto no quarto de um hotel em Ceilândia, no Distrito Federal, na noite desta terça-feira (3). Segundo a gerência do estabelecimento, o hóspede tirou a própria roupa, assediou funcionárias, quebrou uma parede de vidro e “desfaleceu” quando foi contido por outros clientes. As informações são do site G1-DF.

Segundo o G1, o caso é investigado pela Polícia Civil como homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Segundo as apurações da 15ª Delegacia de Polícia, o homem – que não teve a identidade divulgada – sofreu um possível “surto psicótico” em decorrência do uso de drogas sintéticas. Até a publicação desta reportagem, o laudo pericial não havia sido concluído.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros – que foram os primeiros a chegar ao local, por volta das 23h30 – disseram ao G1 que a morte ocorreu durante a tentativa de três homens, identificados como clientes do hotel, de imobilizar o suposto agressor.

A gerência informou que a confusão começou quando o homem tirou a roupa e, apenas de cueca, começou a perseguir uma recepcionista.

Antes disso, a funcionária ligou para a dona do estabelecimento e solicitou aconselhamento sobre como proceder com o hóspede, que “estava estranho”. Matéria completa do G1-DF aqui.

#15ªdelegaciadepolícia #assédio #funcionárias #hoteldeCeilândia

0 visualização0 comentário