...
 

Mãe que deu tapa na cara de educadora de Ceilândia pede desculpas em público

A mulher que deu um tapa no rosto de uma educadora, em junho deste ano, em Ceilândia, fez um pedido de desculpas público à vítima, na manhã desta terça-feira (29). A medida faz parte de um acordo homologado na Justiça entre as duas envolvidas. As informações são do G1-DF.

Estudantes e professores da escola Caic Bernardo Sayão, em Ceilândia, acompanharam a ação. A agressora, Maria do Socorro dos Santos, de 31 anos, é mãe de uma aluna e se irritou após a filha passar mal na escola.

Na ocasião, Joane Vieira e Silva, de 29 anos, trabalhava como voluntária no colégio e questionou se a criança vinha se alimentando bem em casa. O momento da agressão foi registrado pelas câmeras de segurança.

No texto lido nesta terça (29), a mãe da estudante diz estar arrependida. O pedido de desculpas foi escrito durante a audiência de conciliação, em outubro. “Reconheço a gravidade e consequências geradas”.

“Reconheço o erro que cometi em um momento de descontrole e, por isso, venho em público me retratar pedindo desculpas à professora Joane.”

A agressora falou no pátio da escola, ao lado do advogado e na presença da vítima, de alunos e outros professores. Enquanto lia o texto, Maria do Socorro não olhou para Joane e saiu sem falar com a imprensa. Matéria completa e vídeo do G1-DF aqui.

#desculpasempúblico #educadoradeCeilândia #Mãe #Tapanacara

3 visualizações0 comentário