...
 

Moradores denunciam abordagem violenta da polícia militar contra comerciante em Ceilândia

De acordo com relatos de vizinhos, Marlon Afonso, que é sócio de um Pet Shop, retornava do trabalho em uma motocicleta, quando foi abordado pelos policiais


Moradores da Expansão do Setor O, em Ceilândia, denunciam uma suposta abordagem violenta da Polícia Militar do DF, contra um comerciante. O caso aconteceu na tarde desta terça-feira (28).

De acordo com relatos de vizinhos, Marlon Afonso, que é sócio de um Pet Shop, retornava do trabalho em uma motocicleta, quando foi abordado pelos policiais. Os vizinhos afirmam que Marlon não ouviu os policiais ordenando para que ele parasse, quando chegava em casa.


Após entrar em sua residência, ele foi alcançado pelos militares e agredido com tapas na rua. O comerciante foi algemado e conduzido para a delegacia da área.


O advogado do comerciante afirmou que os policiais entraram na casa do seu cliente sem mandado de busca e apreensão, o arrastaram para a rua com chutes e tapas, tudo isso na frente de seus avós. De acordo o defensor, os policiais alegam que ele não obedeceu a ordem de parada. Ele também afirma que nada de ilícito foi encontrado com Marlon.


Na delegacia foi registrada uma ocorrência de desacato e resistência à prisão. A motocicleta, uma Honda Bis, está em dias e sem nenhum débito. O advogado vai entrar com uma ação de reparação de danos.


Por Douglas Protázio




64 visualizações0 comentário