Coronavírus: MPDFT questiona GDF sobre reabertura do comércio

Coronavírus: MPDFT questiona GDF sobre reabertura do comércio

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A força-tarefa do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) que acompanha as ações de combate ao novo coronavírus oficiou o governador Ibaneis Rocha sobre a reabertura de atividades comerciais. O documento foi enviado nesta terça-feira, 14 de abril, e o Executivo tem quatro dias para responder.

No ofício, foram feitos questionamentos sobre as atividades econômicas autorizadas a funcionar pelo Decreto 40.550/2020. A força-tarefa quer saber o que diferencia a construção civil e o setor moveleiro, por exemplo, das demais atividades que permaneceram fechadas no mesmo período.

Os integrantes do MPDFT também questionam o alcance do decreto. As autorizações são amplas, para setores como eletroeletrônicos e automotores, mas não há indicação sobre quais atividades específicas podem funcionar ou quantas empresas estariam incluídas nessa exceção.

Segundo os signatários do documento, “a preocupação do MPDFT é que a reabertura de setores da economia siga critérios técnicos e científicos e que tenda para o isolamento social de, no mínimo, 70% das pessoas, como recomenda a Organização Mundial de Saúde, ao menos enquanto os serviços de saúde são estruturados para receber a demanda adicional resultado da Covid-19”.

*Com informações do MPDFT

Powered by Rock Convert
LEIA TAMBÉM -   CPI do feminicídio visita delegacia de Ceilândia

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: