Estou com Covid-19 e não pude fazer exame, diz moradora de Ceilândia

Estou com Covid-19 e não pude fazer exame, diz moradora de Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Uma farmacêutica de 26 anos que trabalha na Asa Norte está em isolamento domiciliar desde a quinta-feira passada (19/03) por ter apresentado sintomas da Covid-19. Ela acredita ter sido contaminada por uma cliente. A jovem, no entanto, não pôde fazer o exame e ter certeza do diagnóstico. As informações do site Metrópoles.

“Estou muito preocupada, pelo meu avô que tem 90 anos. Gostaria de saber o risco real que a minha família está correndo”, afirma a moça.

Ela chegou a buscar atendimento no Hospital Santa Helena, depois de apresentar febre e dores no peito e recebeu um atestado de 14 dias, no qual está especificada a CID B 32.4, que indica prováveis infecções por coronavírus.

Os kits de exame para comprovar a infecção pelo novo coronavírus estão sendo racionalizados – são indicados apenas para pacientes com quadros mais graves da doença a fim de orientar o tratamento durante a internação.

“A médica que me atendeu pediu que voltasse para casa e seguisse junto com minha família as regras de uma quarentena de 14 dias“, conta a moradora de Ceilândia, que vive com os pais, que tem 58 e 59 anos. O avô tem 90 anos, não mora no mesmo endereço, mas é assistido pela mãe dela. Matéria completa do Metrópoles aqui.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: