Agefis prepara remoção de seis casas perto de erosão no Sol Nascente, em Ceilândia

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
A Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) iniciou, nesta quinta-feira (4), uma operação para a remoção de seis famílias em situação de risco na Chácara 6 do Trecho 3 do Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia. A área onde estão as seis edificações fica próximo a uma erosão e é considerada de risco pela Subsecretaria da Proteção e Defesa Civil, vinculada à Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social.

Inicialmente as famílias serão transferidas para barracas, montadas pela Defesa Civil numa quadra de esportes da Chácara 6. Os moradores vão ser cadastrados pela Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos para receber o auxílio-vulnerabilidade no valor de R$ 408. A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab), da Secretaria de Gestão do Território e Habitação, também participará desse processo para que elas se encaixem nos programas habitacionais do governo de Brasília.
Durante a manhã, o vice-governador, Renato Santana, e a diretora-presidente da Agefis, Bruna Pinheiro, visitaram o local e conversaram com as famílias. “A área é considerada de alto risco e provavelmente não aguentará as próximas chuvas, por isso estamos fazendo a remoção, a pedido do governador”, explicou Bruna. “É uma questão de assegurar a vida e a segurança dessas pessoas.”
O levantamento feito pela Defesa Civil apontou 105 casas em situação de risco na Chácara 6 do Setor Habitacional Sol Nascente. A expectativa da Agefis é que na próxima semana as outras 99 moradias também sejam removidas.
*Informações Agência Brasília

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: