Agnelo recebe R$ 29 milhões para modernizar administração

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal (CEF) assinou nesta quarta-feira (29/6) contrato de empréstimo de R$ 29,3 milhões para modernizar a gestão administrativa, financeira e patrimonial do Distrito Federal. O investimento total será de R$ 32,6 milhões, com contrapartida de R$ 3 milhões do governo do Distrito Federal (GDF). Os recursos são do Programa Nacional de Apoio à Gestão Administrativa e Fiscal dos Municípios Brasileiros (PNAFM).

O dinheiro será usado para dar agilidade e eficiência à área fiscal, capacitar servidores, contratar consultorias e, também, para modernização tecnológica e aquisição de equipamentos e sistemas de informação e comunicação.

Para o governador do DF, Agnelo Queiroz, o empréstimo é importante não só para modernizar processos, mas, também, para dar mais transparência às ações da máquina pública, principalmente depois do escândalo do pagamento de propina a políticos, funcionários públicos e empresários que culminou na prisão e posterior renúncia do então governador José Roberto Arruda, no ano passado. O governador lembrou ainda que a capital do país é uma das sedes da Copa do Mundo de 2014 e precisa ser exemplo de eficiência e moralidade.

“Tudo será feito sem desperdício fiscal, para preparar Brasília para receber grandes eventos. Isso significa metas e prazos, para que a capital seja um exemplo de gestão pública, eficiente e transparente, utilizando com racionalidade cada centavo do recurso público”, disse Queiroz.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: