Alexânia-GO: Shopping de grife na cidade.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Alexânia terá shopping de outlets de grife
Foto: Divulgação

A primeira marca – Le Lis – já assinou contrato para instalar
loja na cidade goiana que quer atrair consumidores de Brasília, Goiânia e
Anápolis

 

Noelle Oliveira_especial para Brasília 247 — O segundo shopping
do país exclusivamente composto de outlets de grife já começou a ser
construído em Alexânia, cidade goiana a 60 km de Brasília.  A Le Lis é a
primeira grande marca a firmar contrato com o empreendimento. A
informação foi adiantada ao Brasília 247 pela General Shopping,
administradora também responsável pelo único centro comercial do gênero
em funcionamento no Brasil, o Outlet Premium São Paulo. A previsão é que
o empreendimento próximo à capital fique pronto em março do próximo
ano. “A Le Lis repetirá o sucesso que faz no empreendimento paulista”,
destaca Alexandre Dias, diretor de Marketing e Varejo da General.
Brasília é hoje o terceiro maior consumidor de produtos de luxo no
país. De acordo com pesquisas da Associação Brasileira de Lojistas de
Shopping (Alshop), dos R$ 99 bilhões arrecadados pelo setor de shoppings
no Brasil durante o ano passado,
R$ 7,5 bilhões vieram da região Centro-Oeste. Na hora das compras, o
setor de vestuário fica em segundo lugar entre os produtos mais
consumidos pelos moradores da região, representando 21% do faturamento.
Perde apenas para o segmento de eletrodomésticos, com 25%.
A expectativa é que 60% dos lojistas do empreendimento de São Paulo
abram lojas no novo outlet. Haverá, ainda, reserva de 30% de unidades
para marcas regionais. Serão 60 lojas de grifes que venderão mercadorias
com até 80% de desconto. “Estamos trabalhando para levar as melhores
marcas nacionais e internacionais para os consumidores do Centro-Oeste”,
promete Alexandre Dias. Para o diretor de Relações Institucionais da
Alshop, Luís Augusto Ildefonso, a tendência é que o shopping de outlets
repita o sucesso de seu antecessor. “Trata-se de um tipo de
empreendimento que tem um apelo forte, já que possibilita que sejam
adquiridos produtos até então de valores muito altos, que ganham
descontos significativos”, explica.   
A previsão é que o novo outlet gere dois mil empregos diretos e
indiretos e atraia público, além do DF, das cidades de Anápolis e
Goiânia – a 130 km e 110 km do empreendimento, respectivamente. A
localização é uma estratégia para baratear custos e aumentar os
descontos das mercadorias. A escolha possibilitou uma economia de 70% em
relação a um estabelecimento do mesmo porte em Brasília. Serão 16,5 mil
metros quadrados de área locável e 121 mil metros quadrados de extensão
total.
Além do empreendimento no estado vizinho, o DF vai ganhar outro
shopping em 2013. Será na Avenida Hélio Prates, em Taguatinga. Serão 160
lojas, seis grandes magazines, cinemas e 416 salas comerciais. “Em
Brasília a frequência com que as pessoas vão ao shopping é maior que no
restante do país”, explica Luís Augusto. Nos últimos três anos,
proporcionalmente, as regiões que mais cresceram em número de shoppings
foram o Norte – que possui uma base muito pequena – e o Centro Oeste.
   
Encontro de empresários
Em outubro, dos dias 18 a 20, Brasília sediará a 3ª edição do
Brasilshop Centro-Oeste, um congresso de varejo que discute as
tendências do setor de shoppings centers. São esperados cerca de 500
congressistas. Em São Paulo, o evento já é considerado o maior do país
no ramo varejista. “A realização desse encontro mostra a importância
econômica da capital para esse setor de shoppings”, destaca Luís
Augusto, da Alshop. O evento ocorrerá no Royal Tulip Brasília Alvorada
Hotel.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: