Alvo de investigações, shopping entre Ceilândia e Taguatinga será inaugurado em uma semana

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
O JK Shopping & Tower deve atender, principalmente, moradores de Taguatinga e de Ceilândia: investimento inicial de quase meio milhão de reais (Breno Fortes/CB/D.A Press)

Apesar da documentação apreendida em investigação e da falta do habite-se, a inauguração do empreendimento localizado em Taguatinga Norte segue prevista para ocorrer no próximo sábado. Lojistas estão preocupados com os investimentos


Alvo de investigação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e da Polícia Civil do DF, as obras do JK Shopping & Tower, em Taguatinga Norte, estão mantidas. Ontem, um dia após a operação que constatou irregularidades na concessão do alvará do empreendimento, funcionários trabalhavam para finalizar e entregar o centro de compras dentro do prazo. A promessa é de que seja inaugurado daqui a uma semana. O lançamento, porém, depende das investigações, já que toda a documentação que estava na Administração Regional de Taguatinga acabou apreendida durante a Operação Átrio.

Erguido na QNM 34, na Avenida Hélio Prates, o JK Shopping & Tower atenderá, principalmente, moradores de Taguatinga e de Ceilândia. Serão 192 lojas. O investimento inicial, segundo o ex-vice-governador do DF Paulo Octávio, foi de R$ 450 milhões, sendo uma parte dos lojistas e outra do próprio empresário. O objetivo é que o centro de compras, o quinto do grupo PaulOOctavio, aqueça as vendas do fim do ano. Mas a inauguração, neste mês, ainda é uma dúvida.
Segundo a investigação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPDFT, da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Deco), da Polícia Civil, houve irregularidades na concessão do alvará de construção do JK e de pelo menos cinco empreendimentos. As apurações indicam que, com uso de propinas ou de outros tipos de vantagens, empresários conseguiam a liberação em, no máximo, 15 dias, quando o prazo mínimo pode ser de 60 dias. 
Informou o Correio Web

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: