Amor por Ceilândia, por Edilson Barbosa.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Feira Permanente e Caixa D’Água símbolo da maior cidade do DF:Ceilândia


Ceilândia 41 anos, parabéns jovem cidade. Você que iniciou sua existência no dia 27 de março de 1971. Um ano depois(1972) eu nasci,praticamente nascemos e crescemos juntos.Meus pais vieram de Campina Grande-PB e se instalaram na Vila do IAPI,próximo ao Núcleo Bandeirante,pouco tempo depois uma tal de Maria de Lourdes Abadia Bastos liderou a transferência de todos para um novo local com novos vizinhos através de uma Campanha de Erradicação de Invasões(CEI),pois o então governador Hélio Prates da Silveira determinou o fim das invasões. Todos te conhecem pelo seu símbolo que virou monumento histórico da cidade a Caixa d’Água erguida ao lado da pedra fundamental em 1973. Alguém teve a idéia de te dar este nome, afinal todo mundo que nasce deve ter um. Então foi decido vai se chamar Ceilândia em homenagem à essa Campanha. Lembro-me das ruas esburacadas, as nuvens de poeira, as poças de lama, os muros eram de arames e as casas eram barracos de madeira. Fui criado no conjunto N da QNM 6 de Ceilândia Norte num barraco azul.Todo mundo tinha um quintal,onde criavam animais e plantavam  de tudo, no quintal lá de casa tinha pé de abacate,limão,banana e jaca,além da criação de galinhas e poços.Hoje os quintais foram substituídos por aluguéis,difícil ainda ter aquele quintalzão,uma pena.Você Ceilândia foi originalmente criada em forma de um barril que era divido por Ceilândia Norte,Ceilândia Sul e Ceilândia Centro.Hoje você  cresceu e é a maior cidade do DF,junto com a Guariroba, P Sul, P Norte, Setor “O”,Setor de Indústrias,Expansão do Setor “O”,QNQ,QNR,Privê,Setor Rural e agora os mais novos setores: Pôr-do-sol e Sol Nascente.Muitos falam que você hospeda mais de 600 mil habitantes e oferece a todos nós uma rede ampla de serviços públicos e privados. Você é uma cidade que em cada esquina encontramos uma Escola Pública, se alguém tem medo de Escola não venha para cá, pois vai levar um susto no final de cada rua. Você tem um hospital judiado que foi inaugurado quando ainda era nova(Hospital Regional de Ceilândia-HRC),agora crescemos e o hospital ficou do mesmo tamanho,não suportando o número de pessoas que lhe procura,se não fossem os Postos de Saúde você não tinha saído até hoje da UTI.Você é uma cidade completa,que se encontra de tudo,temos um comércio amplo que não deixa a desejar,(completaria com um Shopping Center do seu tamanho e importância,mas os empresários não ligam para isso).Sua Feira Permanente Central é a mais nordestina que conheço,são mais de 600 boxes que tem de tudo;o Shopping Popular deu dignidade aos camelôs que deixava feio o centro da cidade,nem parecia que você não tinha um Centro. Seu Estádio de Futebol  é o Abadião (nome dado em homenagem a sua ex-administradora Maria de Lourdes Abadia Bastos) inaugurado dia 27 de agosto de 1978, tem capacidade para cerca de 4.000(quatro mil pessoas), é muita gente junto heim. A Casa do Cantador,projetada por Oscar Niemeyer,inaugurada em 09 de novembro de 1986 é conhecida pelos grandes festivais de repentes,que chique heim;Você tem a estação do Metrô mais bonita do DF que fica na Avenida Hélio Prates;a Praça do Cidadão Praça do Cidadão,criada pelo então governador Cristovam Buarque é o local onde acontecem diversas  festas populares, nela  encontramos,ainda, diversos órgãos de atendimento ao cidadão: Agência do Trabalhador,Farmácia de Alto Custo,Companhia da Polícia Militar,além de uma excelente quadra de esportes com arquibancada com vestiários e um Coreto,ta metida né?.O Centro Cultural da cidade, não concluído, fundado em 20 de setembro de 1998, também pelo então governador Cristovam Buarque é onde funciona sua Biblioteca Pública e o um dos Conselhos Tutelares (você é tão grande que tem dois Conselhos Tutelar).O Ceilâmbódro que você oferece aos moradores de Brasília nos orgulha, o desfile das Escolas de Samba do Distrito Federal é um show só,foram a alegria da Bateria Nota Show da Escola de Samba Águia Imperial.Você tem uma coisa muito controversa que é a Feira do Rolo, (deveria se chamar Feira do Troca-Troca e ser legalizada por fazer parte da vida da cidade, difícil conhecer alguém que não foi nesta feira). Seu Fórum é muito movimentado,fica bem no centro e possui todas as Varas Judiciais oferecidos pelo Tribunal de Justiça do DF,tudo é resolvido bem pertinho de casa, até Tribunal do Júri você tem,afinal os crimes contra a vida são julgados pela própria comunidade,breve teremos até o prédio da Promotoria de Justiça e da Defensoria Pública,te mete?Não podemos esquecer que você tem duas Vilas Olímpicas (uma ainda fechada), Campos de Futebol Sintético, Praça dos Eucaliptos, Museu da Memória Viva de Ceilândia, Escola Técnica, SESC (que trouxe um Teatro para cá), Usina de Reciclagem de Lixo e Museu do Lixo. Você Ceilândia cresceu tanto que hoje crescem o número de apartamentos construídos,nunca se viu tantos”arranha céus” ,vieram faculdades,hipermercados,grandes lojas de departamento,escritórios de advocacia,clínicas diversas,etc.Você como eu crescemos e hoje somos frutos de uma luta de vida.Tenho orgulho de você e espero que você tenha orgulho de mim,pois já vi muitos crescerem e se mudarem daqui.Eu sou como você persistente,percorro 60 km por dia para ir trabalhar,30 km para ir e 30 km para voltar.Gostaria de não deixar Ceilândia nem morto,gostaria de ser enterrado aqui,por isso luto para que a cidade tenha um cemitério.Afinal passa-se a vida todo aqui e quando morremos temos de ser enterrados em outro local.Isso faz com que a família não se apegue a cidade e você fica como uma cidade sem história, sem laços que os unam.Você Ceilândia tá de parabéns e o que eu puder fazer para te defender e para que seja a cidade com a melhor qualidade de vida a oferecer aos seus moradores pode contar comigo.Parabéns por seus 41 anos de vida.

Por Edilson Barbosa, morador de Ceilândia.

1 Comment

  • Avatar
    Anônimo , 1 de abril de 2012 @ 22:49

    Eu,tambem sou da ceilandia,meus pais,tambem chegaram,bem do inicio da Ceilândia,tambem vieram da vila do iapi,lembro quando criança ,como tinha barraco,de tabua,não tinha asfalto,nossa CeilÂndia,como era esquecida,demorou,muito tempo,para chegar neste nivel,que ela estar,mas falta muita coisa ainda,para ela chegar onde merece nos,mas de qualquer ela cresceu.So precisamos de ser lembrados,em todos instantes,não só na eleição de governadores e deputados e outros,para eleger,gente que nem conhece a ceilândia,como a gente,que vive desde o inicio de Ceilândia.

Deixe uma resposta

Posts Relacionados

%d blogueiros gostam disto: