Após troca de empurrões, jogadores de Crac e Ceilândia vão ao STJD

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O empate entre Crac/GO e Ceilândia/DF, pela quinta rodada da Série D do Campeonato Brasileiro, acabou com dois denunciados no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Expulsos por trocarem agressões, o zagueiro Fábio Paulista, do time goiano, e o atacante Dimba, da equipe do Distrito Federal, serão julgados nesta quinta-feira, dia 16 de agosto, em sessão a partir das 15h, da Quinta Comissão Disciplinar.

Os dois jogadores protagonizaram a confusão aos 23 minutos do segundo tempo, quando o placar já marcava 2 a 2. De acordo com a súmula, Dimba deu um empurrão na altura do pescoço de Fábio Paulista, que revidou com outro empurrão – na altura do rosto –, jogando o atacante do Ceilândia no chão.
O lance aconteceu fora da disputa de bola e o árbitro Daniel Martins dos Santos foi informado da agressão pelo assistente Fábio Rubinho. Ao ser expulso, Dimba se dirigiu ao assistente e, de forma grosseira, disse as seguintes palavras: “Seu vagabundo, safado, mal intencionado. Por isso, seu m…, que está na Série D”.
Acusados de “praticarem ato desleal ou hostil durante a partida, empurrando acintosamente o adversário”, os dois jogadores responderão ao artigo 250, inciso II, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê a suspensão de uma a três partidas, mas levada em conta a automática.
Mas, para o atacante Dimba, a pena pode ser maior. Por ter xingado o assistente, o jogador do Ceilândia também será julgado com base no artigo 243-F, § 1º do CBJD, por “ofender alguém em sua honra por fato relacionado ao desporto”. O atleta pode ser multado em até R$ 100 mil, além de pegar gancho de até seis partidas.
O Ceilândia é o líder do Grupo A5 da Série D e enfrenta o Cene no próximo domingo, dia 19, no Douradão, pela nona rodada. Se punido, Dimba já começa a cumprir sua pena a partir deste jogo. No mesmo dia, o Crac, terceiro colocado, visita a Aparecidense, no estádio Aníbal Toledo, e também pode não ter o zagueiro Fábio Paulista no caso de punição no STJD.

Informações da Justiça Desportiva

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: