Atenção básica ampliada no Sol Nascente e Pôr do Sol

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


O Programa Mais Médico vai beneficiar os moradores dos Setores Habitacionais do Sol Nascente e Pôr do Sol de Ceilândia. Para essas localidades foram destacados seis profissionais que completarão as equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) dos Centros de Saúde 8, 9, 10 e 12.
O diretor Regional de Atenção Primária à Saúde (Diraps) de Ceilândia, Luiz Henrique Mota Orives, informa que os novos médicos, vão completar as ESF dos centros aumentando a cobertura assistencial para essas populações vulneráveis. “Os médicos estrangeiros vem em boa hora, pois será uma oportunidade do crescimento e amadurecimento da nossa assistência na Atenção Básica”.
O Sol Nascente tem uma população estimada em 44.400 habitantes e contará com 11 equipes da ESF e cinco médicos cubanos e o Pôr do Sol, com mais de 10 mil habitantes terá duas equipes com um profissional do Mais Médicos.
Cada equipe da ESF atende aproximadamente 3.500 pessoas. As equipes são formadas por médico, enfermeiro, odontólogo, auxiliar de enfermagem, agente comunitário e técnico de higiene dental.
Atenção Básica
A assistência na Atenção Básica dos centros de saúde consiste nas consultas que abrangem os Programas de Saúde do Adulto que trata da hipertensão, diabetes, das doenças relacionadas à saúde da terceira idade, do homem, do adolescente e das DST/Aids.
O Programa da Mulher presta assistência durante o pré-natal, puerpério, exames ginecológicos, planejamento familiar entre outros.
O Programa da Criança acompanha o crescimento e o desenvolvimento de zero a dois anos de idade bem como os agravos de doenças na infância.
Mais saúde em Ceilândia
A Unidade Móvel de Saúde da Mulher estacionada em frente à Feira do Produtor em Ceilândia Norte realizou 2.065 exames de ultrassonografia, mamografia e preventivo de colo de útero nas três semanas que esteve por lá de 14 de outubro a 1º de novembro.
Atualmente a carreta da mulher está estacionada no Núcleo Rural Boa Esperança na divisa de Ceilândia com Santo Antônio do Descoberto (GO), até sexta-feira (8 de novembro).
A população de Ceilândia estimada em 416 mil habitantes terá duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) nas áreas de pediatria e clinica médica com capacidade de realizar mais de 500 consultas. Uma delas localizada na QNN 27, Área Especial D, será entregue em dezembro e a segunda, na região da QI 10, lotes 71 a 118, no Setor de Indústria de Ceilândia, no fim de abril de 2014.
No local onde será entregue a primeira UPA está previsto a construção de um Complexo de Saúde abrangendo a Clinica da Família e o Centro de Atenção Psicossocial.

Informou Administração de Ceilândia

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: