Fogueira das vaidades: Ato público em Ceilândia termina em confusão

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram




O ato público que aconteceu hoje (10) ao lado da Feira Central de
Ceilândia, e que deveria reunir moradores, lideranças e políticos para debater
problemas e cobrar soluções para a região, acabou em um constrangedor fiasco
.  O evento contou com a presença de políticos de
diversos segmentos, inclusive de inimigos declarados, como o governador Rollemberg e a deputada Celina Leão. 



Durante a fala de
alguns participantes, grupos políticos contrários acabaram batendo boca. 
O
encontro marcado por um grupo de moradores e lideranças da cidade foi anunciado nas redes sociais como apartidário, mas acabou sendo disputado por cabos eleitorais 
oportunistas e parlamentares, e se transformou em um vergonhoso comício
politico, com direito a brigas e agressões verbais.



Além do governador Rodrigo Rollemberg, participaram do ato o vice-governador do DF, Renato Santana; o administrador regional de Ceilândia, Vilson José de Oliveira; o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF (Codhab), Gilson Paranhos; a ex-governadora do DF Maria de Lourdes Abadia; os deputados distritais Celina Leão (PPS), Chico Vigilante (PT), Luzia de Paula (PSB), Raimundo Ribeiro (PPS); os deputados federais do DF Érika Kokay (PT), Izalci Lucas (PSDB), Ronaldo Fonseca (Pros) e Rôney Nemer (PP); e o senador Hélio José (PMDB).

Sobre o ato público

No dia 12 de outubro um grupo de WhatsApp foi criado em Ceilândia, com o nome “Ceilândia
Sempre Viva” e a imagem de uma Caixa D’água (símbolo da cidade). 
O idealizador e
criador do grupo foi o advogado e líder comunitário Aderval Andrade, que buscava
uma forma de unir e interagir os diversos grupos e segmentos da cidade, em
busca da solução de problemas e cobrar a participação das autoridades, eleitas
com ajuda da comunidade local.
Moradores,
prefeitos comunitários, empresários e presidentes de associações estão entre os
membros do grupo, que também é composto pelo administrador Regional de
Ceilândia, Vilson de Oliveira, o governador do Distrito Federal, Rodrigo
Rollemberg, alguns secretários de governo e parlamentares da esfera distrital e
federal.
Além de cobrar
providências para pequenas obras e questões pontuais, como melhoria das vias,
iluminação e reforma de espaços públicos, o grupo também debate a cada dia um
tema, como a saúde, educação, segurança, regularização fundiária, meio
ambiente, entre outros.
O ato público foi agendado para este sábado (10), ao lado da Feira Central, e, além da participação dos
componentes do grupo e outros interessados pela causa, foram convidados todos
os deputados distritais e federais de Brasília, além de senadores, secretários
de governo, administrador Regional, vice-governador e governador. 
Durante as
discussões e debates na rede social, é frequente a participação das
autoridades, que sempre justificam e respondem sobre diversas questões.



*Por Douglas Protázio

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: