Balé flor do cerrado – De Ceilândia para o mundo.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


O BALÉ FLOR DO CERRADO será a grande atração
do Goal to Brazil em Los Angeles – EUA, no próximo dia 10 de outubro. A
meninada que se revelou no Maior São João do Cerrado, na Ceilândia, leva

na bagagem o colorido, sons, ritmos das manifestações juninas,
misturando forró, xaxado, xote, baião, maracatu, boi bumbá e bumba meu
boi, representados no folclore brasileiro, além da beleza das quadrilhas
juninas, mostrando para o mundo a riqueza da diversidade cultural do
Brasil.


“Esses meninos, verdadeiros artistas, promovem um
grande orgulho na gente, moradores do DF, especialmente da Ceilândia, de
onde eles são. É uma honra para os ceilandenses, como eu, ver essa
garotada emergir da Ceilândia para o mundo”, comemora Chico Vigilante,
nordestino do Maranhão, que escolheu a Ceilândia para viver há 34 anos e
onde vive até hoje.

O balé foi criado em 2011 para ser um
corpo de dança oficial do projeto O Maior São João do Cerrado, que
ocorre na Ceilândia anualmente, mas o grupo surpreendeu, tomou forma e
corpo, e encontrou seu espaço próprio com muito talento, em coreografias
que misturam as cores e os ritmos tradicionais do Nordeste brasileiro.
Claramente feliz, Edilane Oliveira, produtora do Maior São João do
Cerrado, comemora: “Estamos todos muito orgulhosos pelos meninos da
Ceilândia. Eles representam essa cidade que é a mais nordestina do DF e
pulsa no coração do Brasil”.
Uma das propostas do Maior São
João do Cerrado é levar a cultura popular nordestina para o mundo. E
isso já vem acontecendo desde a edição de 2010, quando evento passou a
ser divulgado por meio da TV Globo Internacional. Sendo que a partir de
2011, a exibição passou a ser para 135 países, com os melhores momentos
do evento, que tradicionalmente é realizado na mais nordestina de todas
as cidades do DF, a Ceilândia.
Com o intuito de divulgar as
festas juninas no exterior, a Embratur lançará um edital de chamamento
público no valor de R$3 milhões para que estados e municípios apresentem
projetos de divulgação das festas juninas. O objetivo é transformar as
festas juninas em um ícone da cultura brasileira no exterior. Além
disso, o Instituto também está organizando uma série de ações de
marketing, comunicação digital e participação dos estados das regiões
Norte e Nordeste em feiras internacionais para promoção dos festejos
típicos.
A ideia é, por meio do programa “Vivência Brasileira”,
associar os festejos juninos à imagem do Brasil no exterior e mostrar
ao turista estrangeiro a diversidade da cultura popular brasileira. E o
“Goal To Brasil – Encontros Brasileiros é uma ação da Embratur, dentro
dessa iniciativa.
Informou ACIC

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: