Bolsa para compra de material escolar é aprovada em comissão da CLDF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Os estudantes carentes do Distrito Federal, cujas famílias são beneficiadas com o Bolsa Família, deverão ser beneficiados com o recebimento de recursos para a compra de material escolar e didático. O Projeto de Lei n° 357/2015, do Executivo, que institui o Programa Material Escolar foi aprovado, por unanimidade, na reunião ordinária da manhã desta quarta-feira (6), da Comissão de Educação, Saúde e Cultura da Câmara Legislativa.
Conforme explicou o relator do projeto e presidente daquela Comissão, deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), a proposta original do governo foi alterada por um substitutivo, no qual foram introduzidas algumas mudanças que garantem a execução do novo programa. Ele comentou que o governo aceitou mudar o benefício, que antes seria apenas a entrega do material escolar, para ser feito exclusivamente em dinheiro, creditado em cartão magnético. O valor estipulado é de R$ 80 e as famílias do aluno poderão escolher as livrarias e papelarias, livremente, “possibilitando a busca do menor preço”.

Apesar de votar a favor do proposta, o deputado Rafael Prudente (PMDB) disse que o valor da bolsa “é muito pequeno” e que, na votação em plenário irá defender uma elevação da bolsa. Também a deputada Luzia de Paula (PEN) criticou o “valor insignificante” da bolsa, enfatizando que os beneficiados “não vão poder comprar muita coisa com apenas 80 reais”.
CLDF

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: