Caldas Country 2013 tem alvarás liberados pela prefeitura e Agetop.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)


A empresa JFC Produções e Eventos Ltda, apresentou nesta sexta-feira (29/1) a Justiça, o alvará de liberação para realização do Caldas Country 2013, emitido pela Prefeitura Municipal de Caldas Novas e o Termo de Autorização de Uso n001/2013 AD-GEJUR, emitido pela Agetop (AgênciaGoiana de Transportes e Obras), cumprindo desta forma todas as exigências legais verificadas na decisão judicial.


Com a apresentação do álvara da Prefeitura, a venda de ingressos para o maior evento de música sertaneja do Brasil, realizado em Caldas Novas, poderá ser liberada.


A expectativa da organização do evento, é que liberação para o inicio da comercialização das vendas de ingressos para o próximo Caldas Country, que este ano acontece nos dias 15 e 16 de Novembro, posso ocorrer nas próximas horas.


Na última segunda-feira (28/1), o Ministério Público entrou como uma ação civil pública suspendeu temporariamente a venda online de ingressos, enquanto os organizadores da festa não obtivessem os alvarás necessários, para a realização do evento. A decisão é da juíza Vaneska da Silva Baruki, confirmando decisão proferida inicialmente, pela juíza Fabíola Fernanda Feitosa de Medeiros Pitangui.


Por se tratar de decisão, condicionada, sobretudo na expedição dos alvarás, os promotores do evento, aguardam que a citada deliberação judicial seja decisivamente modificada, uma vez que foram obtidos os respectivos alvarás, tanto do município de Caldas Novas quanto da AGETOP.


Para tentar resolver problemas pontuais, a administração municipal criou uma comissão permanente que irá discutir ações preventivas para a realização de grandes eventos. Nesta mesma linha de entendimento, o Departamento de Água e Esgoto de Caldas Novas informou que deve resolver o problema da água até julho deste ano, por meio de obras emergenciais, e o SMT buscará ações visando assegurar maior segurança e fluidez do trânsito.


Órgãos de segurança como, Policia Militar, Policia Civil e Corpo de Bombeiros, também já traçam ações de prevenção e repressão aos crimes, tendo em vista, garantir a manutenção da segurança e ordem pública em períodos de grandes eventos na cidade. A rede de Saúde Pública também deverá estar preparada para o pronto atendimento.
Mais Goiás.

1 Comment

  • Avatar
    Anônimo , 31 de janeiro de 2013 @ 05:21

    É MUITO COMPLICADO PRA NÓS QUE SOMOS PAIS! MESMO COM TUDO REGULARIZADO ESSA FESTA NÃO DEIXA DE SER UM RISCO DE MORTE PARA NOSSOS FILHOS! MINHA FILHA FOI ANO PASSADO, FORAM 4 DIAS SEM CONSEGUIR DORMIR DE PREOCUPAÇÃO. SEI QUE ALGUNS JOVENS MORRERAM ANO PASSADO, E MESMO QUE FOSSE UM SÓ NÃO DEIXA DE SER UM FATO GRAVÍSSIMO!!! NÃO SÓ MORTE DE JOVENS, MAS TB COISAS ABSURDAS QUE SOUBEMOS QUE ACONTECEU. PAIS: FIQUEM ALERTAS COM ESSE EVENTO! PRECISAMOS PENSAR E SE TIVESSE SIDO MEU FILHO A FALECER, OU SE NA PRÓXIMA FESTA FOR A MINHA FILHA OU SEU FILHO? COMO É QUE FICA?

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: