Câmara Legislativa abre as portas para estudantes do DF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Nine Kelen.
Cerca de 400 alunos da rede pública e privada de ensino do Distrito Federal participaram, nesta quarta-feira (16), de audiência pública realizada na Câmara Legislativa. Com o tema “Educação tem que ser 10”, a iniciativa foi de autoria do deputado Professor Israel Batista (PDT). “Tenho a honra de recebê-los nesta Casa, para mudarmos juntos a realidade da educação no DF. Educação tem que ser prioridade, pois é o mecanismo de transformação mais eficiente que existe”, discursou, depois de abrir o evento pedindo um minuto de silêncio em referência às vítimas da tragédia no Japão.
O encontro foi promovido para debater a jornada de lutas da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes), que defendem um Plano Nacional de Educação a serviço de um ensino de qualidade em todo o país, aprovando bandeiras como o investimento de 10% do Produto Interno Bruto e de 50% do Fundo do Pré-Sal na educação. “Essas entidades se preocupam com o ensino de qualidade a longo prazo e sabemos que ainda há muito o que fazer. É preciso discutir uma nova escola que seja, de fato, elemento de transformação social”, defendeu Israel Batista.
Participaram da solenidade os secretários de Trabalho, Glauco Rojas, e da Juventude, Fernando Nascimento Silva Neto. “Este evento consolida o movimento estudantil, sai das ruas e envolve o parlamento”, disse Rojas. “Esta é uma vitória da Câmara Legislativa e de estudantes que vem aqui mostrar que não estão satisfeitos com o ensino. Unidos assim é possível fazer a diferença”, argumentou Fernando Neto.  
O debate também teve a participação de integrantes de grêmios estudantis de todo DF; do diretor nacional da UNE, Tiago Dias Cardoso; do diretor da UBES, André João da Costa; e de Leandro Cerqueira, membro do Centro de Estudos e Memórias da Juventude (CEMJ). “Esse é o primeiro evento que tivemos aqui no DF, isso é fundamental em nossa luta. Precisamos unir forças para mudar e melhorar ainda mais a nossa educação”, apontou André João, da Ubes.  
A audiência pública contou ainda com a presença dos deputados distritais Evandro Garla (PRB), Olair Francisco (PTdoB) e Celina Leão(PMN), do Administrador Regional do Lago Norte, Marcos Woortmann, e do coordenador geral do movimento Adote um Distrital, Diego Ramalho.

Com a palavra, os estudantes

Durante o debate, os estudantes apontaram seus anseios e preocupações em relação à qualidade do ensino no DF. Aluno do 3°ano do Centro de Ensino Médio Ave Branca, de Taguatinga, Álvaro Cardoso de Santana, 18 anos, agradeceu a oportunidade de poder discutir sobre o assunto e disse que todos os parlamentares devem aderir à luta junto ao deputado Professor Israel. “Os alunos precisam conhecer o funcionamento desta Casa e de como os projetos pela educação são defendidos. Da mesma forma, os parlamentares também precisam conhecer a realidade das escolas e do ensino. Assim é possível fazer a diferença”, afirmou.

Assessoria de comunicação do Deputado

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: