Carnaval 2013 deixa de ser em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


O Secretário de Cultura do Distrito Federal, Hamilton Pereira, conduz junto ao núcleo de governo e á sociedade um processo reconstrução das políticas públicas de cultura do Distrito Federal.

Esse processo incluiu a negociação para a realização do carnaval de 2013, que, por determinação do Governador Agnelo Queiroz, em acordo com as escolas de samba do Distrito Federal, será realizado no Plano Piloto, após oito anos de realização fora do seu local tradicional.

Em agosto deste ano representantes das escolas de samba, blocos carnavalescos, atores sociais envolvidos na realização do carnaval e governo, coordenados pela Secretaria de Cultura, debateram e apresentaram projetos para o carnaval de Brasília, durante o seminário sobre o carnaval 2013. O objetivo é que o carnaval local seja uma política pública de desenvolvimento, cidadania e sustentabilidade que com ações ao longo de todo o ano assim como acontece no Rio de Janeiro, em São Paulo e várias outras unidades da Federação, e não apenas um evento pontual.
Em 2013 o número de escolas contratadas para desfilar aumentará de 19 para 20, entretanto os investimentos para a contratação dos desfiles das escolas de samba serão semelhantes aos valores investidos em 2012, aplicando-se uma correção monetária de 7%, negociada entre a Secretaria de Cultura e o núcleo de governo.
O processo de contratação das escolas de samba e dos blocos para o desfile do
carnaval de 2013 já foi iniciado pela Secretaria de Cultura e está em fase de instrução. Após seguir a tramitação necessária junto aos órgãos competentes dentro da esfera pública, o processo retornará para a Secretaria de Cultura juntamente com a liberação dos recursos para que possa ser feito o devido pagamento.
O processo de Licitação das estruturas a serem utilizadas no carnaval de 2013 também já está em andamento. Tão logo seja definida a data do pregão, a Secretaria de Cultura informará.
Em 2012 foram investidos R$ 5,2 milhões para a contratação dos desfiles das escolas de samba. Em 2013 serão R$ 5,6 milhões. Para o desfile dos blocos tradicionais devem ser investidos cerca de R$ 1,4 milhões, mesmo valor do ano passado. O valor a ser investido para montagem das estruturas do carnaval 2013 será definido após a realização da licitação.
Ressalta-se que para a realização do pregão normalmente é usado um valor estimado que deve ser reduzido após a realização do pregão.
Os recursos públicos a serem usados na contratação dos desfiles das escolas de samba para o carnaval de 2013 serão acessados da seguinte forma:
40% ainda em 2012, 50% em janeiro de 2013 e 10% após a realização dos desfiles e a devida prestação de contas por parte das escolas.
Em 2012 o valor total do investimento nas comemorações de carnaval envolvendo desfiles das escolas de samba, desfiles dos blocos tradicionais e toda a estrutura foi de aproximadamente R$ 10,8 milhões.

Secretaria de Estado de Cultura

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: