Carnaval 2014: A máscara caiu

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram


Levaram o carnaval do ceilambódromo, em
Ceilândia, para a passarela do samba no plano piloto. Eles diziam que lá
no plano eles teriam mais infaestrutura e que iriam profissionalizar o
espetáculo de momo. O que se viu em 2013
foi uma passarela vazia, o contrário não acontecia nas edições em Ceilândia. 



Chegamos em 2014 é o que vemos na imprensa são os carnavalescos da
“rainha do samba” reclamarem de que seus carros foram queimados e que
agora precisam de mais recursos para fazerem o carnaval de 2014 e
atribuem a sua falta de gestão aos atrasos dos recursos do GDF. Cadê a
propalada profissionalização? Onde está a reciclagem dos recursos
materiais de 2013? Vamos investir mais uma vez na realização de um
espetáculo se público na passarela da arquibancada vazia?

Espetáculos populares só se profissionalizam quando eles são produzidos
para um público carente de cultura popular, um exemplo é O Maior Sao O
Maior São João do Cerrado que aclamado pelo público já passou de sua
sétima edição e que agora luta ardorosamente pela sua área definitiva no
setor Guariroba, em Ceilândia, ao lado do estádio abadião. 

do contrário, nos deparamos com o Carnaval que vinha em um projeto
vitorioso em Ceilândia que já tinha até projeto de Oscar Niemeyer e
local para a construção de uma passarela definitiva entre Ceilândia e
Taguatinga que juntas com outras cidades vizinhas abrigam 70% da
população do DF.
Na bastassem todo este esforço, carnavalescos
do plano piloto, produtores de espetáculos de arquibancadas vazias,
conseguirem levar o exitoso carnaval de Ceilândia, Brazlandia,
Taguatinga, Samambaia, Vicente Pires, Aguas Claras, Riacho Fundo I e II,
Recanto das Emas para uma área de difícil acesso ao lado do mane
garrincha. 
Ceilândia continuará na luta por sediar espetáculos
populares, Carnaval, São Joao do Cerrado, Ferrock, Desfiles de Blocos
Carnavalescos e muitas outras manifestações que tem o apreço da sua
população.
Comentário de um leitor: “Deveriam
era acabar com essa vergonha que chamam de desfile em Brasília, só
serve para encher o bolso dos carnavalesco das escolas, porque o desfile
é uma verdadeiro show de humor. Investisse esse dinheiro em blocos
carnavalescos nas cidades satélites teriam muito mais retorno”.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: