Cartel dos combustíveis tenta subornar parlamentar

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
olair

No plenário da Câmara Legislativa ontem à noite (dia 03), o deputado Olair Francisco (PTdoB) disse aos colegas que o seu chefe de gabinete, Manoel Carneiro, recebeu proposta de suborno na reunião dessa segunda-feira da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), para que ele retirasse da pauta o projeto de lei do deputado Chico Vigilante (PT), que acaba com a proibição da venda de combustíveis em supermercados e hipermercados da cidade.
De acordo com Olair, a abordagem foi feita por uma pessoa que se disse representante da Associação Comercial. “É muita cara de pau uma pessoa vir ao parlamento tentar subornar um deputado e oferecer benefício”, ressaltou o distrital, afirmando que se a proposta fosse feita diretamente a ele teria pedido a prisão imediata daquela pessoa.
O presidente da Câmara Legislativa, deputado Patrício (PT), comentou o episódio e informou aos colegas que o caso já está sendo apurado pela Coordenadoria de Polícia Legislativa da Casa. “Qualquer ameaça ou irregularidade cometida no Legislativo não ficará sem apuração”, garantiu, assegurando que se a polícia legislativa fosse acionada no momento do assédio poderia ocorrer “prisão em flagrante”.
Nota – Em Nota à Imprensa divulgada no começo da noite, a Associação Comercial do Distrito Federal (ACDF) negou que a “entidade, ou qualquer um de seus representantes legais” tenha procurado o parlamentar para propor qualquer ato ilícito.
Assessoria de imprensa do Deputado

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: