Catadores do DF já podem se candidatar para trabalhar nos centros de triagem, um deles em Ceilândia.

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Até o dia 25 de setembro, as cooperativas e catadores de lixo do Distrito Federal poderão concorrer no processo para utilização dos centros de triagem de resíduos sólidos. Serão 12 unidades em sete regiões do DF. A Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) publicou nesta segunda-feira (11) edital de chamamento público para seleção. Os trabalhadores escolhidos terão não apenas a instalações físicas, mas equipamento, apoio técnico especializado e suporte administrativo.

“O investimento é fruto de uma parceria entre Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Governo do Distrito Federal”, explicou o subsecretário de Políticas de Resíduos Sólidos, Paulo Celso. De acordo com ele, o fundo social do banco doou R$ 23 milhões para a implementação desses centros de triagem. O GDF participou com cerca de R$ 40 milhões.
Os centros de triagem serão instalados em Ceilândia, Gama, Plano Piloto, Estrutural, Sobradinho e Recanto das Emas, e devem estar prontos até o final do ano. A meta é atender todas as 34 cooperativas do DF, bem como todos os catadores isolados, desde que apresentem a documentação solicitada dentro do prazo.
“Essa medida compõe um dos três pilares para o processo de desativação do Lixão da Estrutural. O primeiro é a criação de um aterro sanitário, que já está praticamente finalizado em Samambaia. Depois vêm esses locais destinados para catadores. Por fim, vem nossa próxima ação que é a criação de áreas de reciclagem da Construção Civil”, explicou o subsecretário.
Vale destacar que esses catadores, em uma parceria entre a Semarh e a Secretaria de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda do DF (Sedest), recebem uma capacitação semanal que os habilita a realizar esse tipo de atividade. “São ações que visam melhorar a vida, o trabalho e a renda desses profissionais”, finalizou Paulo Celso.

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: