Ceilândia: Desabrigados recebem auxílio moradia e cesta básica do GDF

Compartilhe essa matéria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Famílias de Ceilândia tiveram que abandonar suas casas na última semana

                                                          RICARDO MARQUES
As famílias prejudicadas com as chuvas da última semana no condomínio Sol Nascente, em Ceilândia, já conseguiram novas casas para morar de aluguel. Mas apesar de receberem cesta básica e um auxílio de R$ 408 do governo, ainda aguardam pela oportunidade de conseguirem morar em uma casa própria. Além disso, a perspectiva da perda de grande parte dos seus móveis na enxurrada, somada a incerteza do período em que receberão o auxílio para manter o aluguel, preocupa cada vez mais as famílias do Sol Nascente.

A dona de casa Cristina Alves Oliveira, 32 anos, teve sua casa completamente derrubada pela chuva na última terça-feira (18). Conseguiu as pressas achar um novo local para alugar, depois de procurar por todo o condomínio junto com o marido e os cinco filhos.
“Perdi tudo, e ainda tivemos que nos virar para achar um novo local para morar. Agora vivemos das doações de amigos e familiares”,  disse Cristina. A moradora não conta por muito tempo com o auxílio do GDF, que não informou até quando pretende ajudar as famílias.
“Ninguém disse por quanto tempo o teremos. Ainda bem que meu marido trabalha, porque não teria como nos sustentarmos apenas com o auxílio. Só de aluguel pago R$ 300”.
Na mesma situação está a doméstica Edna Maria Santos, com sete filhos, que paga R$ 400 só de aluguel. Ela teve duas das paredes da sua casa, junto com o telhado, derrubados pela chuva. “Só ontem (24) conseguimos mudar a família para a casa que conseguimos.
É uma situação muito chata, porque é difícil conseguir um local quando se tem tantas crianças. Mas é melhor do que algum albergue do governo que não oferece nenhuma proteção”, afirmou Edna.
De acordo com o gerente de condomínios da Administração de Ceilândia, Ronaldo Vinhal, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF (Codhab) já realizou o cadastro de várias famílias do condomínio Sol Nascente para receberem novas residências construídas pelo GDF. “São 83 dos 245 assentamentos que estão previstos para serem entregues em janeiro de 2012. As outras serão só no meio do próximo ano. E nesta quarta-feira (26) as famílias receberão a habilitação das casas”, garantiu Vinhal.
Leandro Cipriano para o Jornal Alô

Deixe uma resposta

Veja Também:

Últimas Postagens

Siga-nos nos Facebook

%d blogueiros gostam disto: